Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Eleições americanas têm recorde de arrecadação

Candidatos à Câmara e ao Senado estão perto de angariar 2 bilhões de dólares

Os candidatos americanos à Câmara e ao Senado nas eleições legislativas estão prestes a superar 2 bilhões de dólares em arrecadação de campanha, segundo o jornal The Washington Post. A cifra recorde corresponde a 4 milhões de dólares por vaga parlamentar em disputa este ano.

Dados da Comissão Eleitoral Federal mostram que a maior parte do dinheiro é arrecadada e gasta pelos próprios candidatos, em forma de publicidade. Na última semana, eles anunciaram ter gastado mais de 1,5 bilhão de dólares, ultrapassando o total angariado por candidatos em 2006 e 2008. O aumento do valor da disputa é impulsionado, segundo o jornal, pelo amplo campo de batalha que compõe o cenário este ano. Estão em jogo todas as 435 cadeiras da Câmara e 37 das 100 vagas do Senado.

Gastos – O acirramento entre republicanos e democratas também contribui para o jogo alto. Os republicanos, que atualmente têm minoria mas aparecem na frente nas pesquisas, arrecadaram mais e gastaram menos. Até o terceiro trimestre de 2008, candidatos democratas ultrapassavam a arrecadação dos republicanos em 64 milhões de dólares.

Este ano, a balança se inverteu, e os republicanos têm 30 milhões a mais. Consultores políticos do partido Republicano dizem que o motivo da mudança é simples: os eleitores da direita são mais animados e querem dar dinheiro a quem queira derrubar o partido Democrata de Barack Obama.