Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Cristina cancela ida à cúpula da Unasul por razão de saúde

Presidente argentina sofre de dores na região lombar da coluna, diz governo

Por Da Redação 30 nov 2012, 09h07

A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, suspendeu novamente uma viagem por questões de saúde, informou nesta sexta-feira o jornal Clarín. Na noite de quinta-feira, a Presidência anunciou que Cristina não viajará ao Peru – onde participaria da cúpula da Unasul – por causa de um quadro de lombalgia (dor na região lombar da coluna).

Leia também:

Leia também: Cristina Kirchner quer discutir dívida com países da Unasul

Saiba mais:

Saiba mais: Imprensa argentina destaca isolamento do governo diante de greve

Em novembro, também de forma imprevista, Cristina cancelou uma viagem à Espanha para ‘evitar esforço adicional em sua agenda’. Na época, no comunicado da Unidade Médica Presidencial, que explica a mudança de planos, havia uma curiosidade, aponta o Clarín. O documento calculava que, para assistir à Cúpula, seria preciso gastar 40 horas em vôos. Na realidade, uma viagem de avião à Espanha levaria entre 12 e 13 horas de ida, e o mesmo tempo de volta.

Continua após a publicidade
Publicidade