Clique e assine a partir de 9,90/mês

Covid-19: Espanha tem menor número de mortes em 1 dia; 42% estão curados

País vive caos no sistema de saúde com hospitais lotados e profissionais contaminados, mas números mostram redução lenta da epidemia

Por Da Redação - Atualizado em 24 Apr 2020, 12h00 - Publicado em 24 Apr 2020, 11h35

A Espanha anunciou nesta sexta-feira, 24, que o número de mortes diárias por coronavírus no país caiu para o menor nível em mais de um mês, com 367 vítimas fatais nas últimas 24 horas. Segundo o Ministério da Saúde, 3.105 pacientes foram curados no último dia.

Ao todo, 219.764 pessoas foram diagnosticadas com Covid-19 no país e 22.524 morreram. Além disso, 92.355 foram curados desde o início do surto, cerca de 42% dos doentes.

ASSINE VEJA

Coronavírus: uma nova esperança A aposta no antiviral que já traz ótimos resultados contra a Covid-19, a pandemia eleitoral em Brasília e os fiéis de Bolsonaro. Leia nesta edição.
Clique e Assine

Um dos países mais castigados pelo vírus, a Espanha vive o caos no sistema público de saúde com hospitais lotados e profissionais da área da saúde contaminados. Os novos números, no entanto, mostram que a epidemia dentro do país está passando aos poucos, apesar do ainda alto número de mortes.

Com a desaceleração da doença, o primeiro-ministro Pedro Sánchez anunciou que a reabertura do país se dará de forma gradual a partir do dia 10 de maio. “Andaremos para frente e para trás, dependendo de como a pandemia evoluir”, disse Sánchez. A quarentena foi implantada no país em 14 de março.

Continua após a publicidade

A pandemia de Covid-19 já atingiu mais de 180 países e territórios pelo mundo, infectando 2.735.117 e matando 191.962 pessoas. Os Estados Unidos tem o pior cenário, com 869.172 casos diagnosticados e 49.963 mortes. Além disso, cerca de 26 milhões de americanos já perderam seus empregos, e o Fundo Monetário Internacional (FMI) prevê que o Produto Interno Bruto (PIB) do país irá contrair em 5,9% em 2020.

Publicidade