Clique e assine com até 92% de desconto

Coronavírus: Democratas realocam debate das primárias para Washington

Estados Unidos registram mais de 1.290 casos de contaminação e 37 mortes; cerca de 40% dos enfermos se concentra na região oeste do país

Por Da Redação Atualizado em 12 mar 2020, 16h52 - Publicado em 12 mar 2020, 16h45

Frente à epidemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2), que já atingiu mais de 1.200 pessoas nos Estados Unidos, O Comitê Nacional do Partido Democrata (DNC) anunciou nesta quinta-feira, 12, que o próximo debate das primárias para as eleições presidenciais deste ano será realocado de Phoenix, no sudoeste do país, para a capital, Washington, na costa leste. O debate entre o senador Bernie Sanders e o ex-vice-presidente americano Joe Biden não terá plateia e permanece marcado para este domingo, 15.

“Todas as partes decidiram que o melhor caminho a seguir é realizar o debate de domingo no estúdio da CNN, em Washington DC”, disse a diretora de comunicação do DNC, Xochitl Hinojosa, nesta quinta. A ausência de plateia já havia sido anunciada pelo DNC na terça-feira 10.

De acordo com dados compilados pelo jornal The New York Times, há mais de 1.290 casos do novo coronavírus confirmados e 37 mortes em decorrência da doença nos Estados Unidos.

Mais de 40% dos pacientes contaminados nos Estados Unidos se concentra na região oeste do país, onde fica Phoenix, capital e maior cidade do estado do Arizona, que conta com apenas nove casos. Washington  já registrou 10, mas é considerada uma região menos suscetível à epidemia.

Também por receio da epidemia, os principais dois candidatos na disputa, o senador Bernie Sanders e o ex-vice-presidente Joe Biden, haviam cancelado comícios na terça-feira 10 em Cleveland, no estado de Ohio, que vai às urnas em suas primárias em 17 de março.

  • Biden lidera a disputa, vencendo em 15 estados (contra 6 de Sanders). Até esta quinta, 24 dos 50 estados já votaram. O ex-vice-presidente já consolidou o apoio de mais de 20% do eleitorado democrata, sendo que menos de 50% deste já realizou suas primárias. Sanders é endossado por quase 18% do eleitorado democrata.

    Continua após a publicidade
    Publicidade