Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Coreia do Norte diz ter feito teste em local de lançamento de satélites

Exercício visa a 'restringir e dominar a ameaça nuclear dos Estados Unidos', afirmou Pyongyang

Por Reuters - 14 dez 2019, 21h36

A Coreia do Norte afirmou ter realizado com sucesso outro teste balístico em um local de lançamento de satélites, o mais recente de uma série de desenvolvimentos que visa “restringir e dominar a ameaça nuclear dos Estados Unidos”, informou a agência de notícias estatal KCNA neste sábado, 14.

O teste foi realizado na sexta-feira 13 no local de lançamento de satélite Sohae, disse a KCNA, citando um porta-voz da Academia de Ciência da Defesa da Coreia do Norte, sem especificar que tipo de teste ocorreu.

Em um comunicado posterior feito pela KCNA, o chefe do Estado Maior Pak Jong Chon disse que os testes foram projetados para reforçar as defesas da Coreia do Norte por meio do desenvolvimento de novas armas.

“Os inestimáveis ​​dados, a experiência e as novas tecnologias obtidas nos recentes testes de pesquisa em ciências da defesa serão totalmente aplicados ao desenvolvimento de outra arma estratégica da Coreia do Norte para restringir de forma definitiva e confiável e dominar a ameaça nuclear dos Estados Unidos”, afirmou ele.

Publicidade

Foi o segundo teste nas instalações de Sohae no espaço de uma semana. A KCNA informou no domingo que a Coreia do Norte realizou um teste “muito importante” em 7 de dezembro no local de lançamento de satélites, uma instalação de teste de foguetes que autoridades dos Estados Unidos disseram uma vez que a Coreia do Norte havia prometido fechar.

A reportagem da KCNA chamou o evento de 7 de dezembro de “teste bem-sucedido de grande importância”. O ministro da Defesa da Coreia do Sul, Jeong Keong-doo, disse que foi um teste de motor.

Publicidade