Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

A comovente carta escrita pelo rei Charles em 1955 e abandonada em sótão

Documento com mensagem à avó do rei e desenhado com beijos e rabiscos coloridos foi encontrado quando casal fazia faxina na Inglaterra

Por Da Redação
Atualizado em 23 fev 2023, 17h18 - Publicado em 23 fev 2023, 16h37

Uma carta escrita pelo rei Charles III no dia 15 de março de 1955 para a sua avó, a rainha-mãe  Elizabeth Angela Marguerite Bowes-Lyon, foi encontrada por um casal que limpava o sótão de casa durante as férias de Natal, em Warwickshire, na Inglaterra.

O documento foi descoberto dentro de um envelope endereçado pela rainha Elizabeth II, mãe de Charles, à própria mãe. À rede CNN,  proprietário da casa de leilões responsável pela venda da carta, Charles Hanson, afirmou nesta quinta-feira, 23, que o papel é um retrato de “três gerações”.

“Querida vovó, lamento que você esteja doente. Espero que você melhore logo”, diz a carta de um lado, cuidadosamente escrita em papel pautado do Palácio de Buckingham, quando o rei tinha seis anos. “Muito amor de Charles”, diz do outro lado, ao lado de beijos coloridos e círculos rabiscados.

a
Carta endereçada a rainha mãe, Elizabeth, escrita pelo Rei Charles em 1955 (Countess Commonwealth/Twitter)

+ Família Real contrata arquivista para guardar segredos da Rainha Elizabeth

Segundo Hanson, “tem sido uma prática normal para os membros da realeza família para dar pequenas lembranças e lembranças pessoais para servos valiosos”, explicou Hanson.

Encontrar a carta, segundo Hanson, deixou o casal surpreendido, ainda mais quando chegou-se à conclusão de que poderia ser leiloada por até 10 mil libras.

“Minha esposa disse ‘uau, olha isso!’ Ficamos muito chocados, mas não tínhamos certeza se alguém estaria interessado nisso”, comunicou o vendedor, um gerente de fazenda de 49 anos que não foi identificado. “Pertenceu ao meu falecido avô Roland Stockdale”, acrescentou.

Durante a década de 1950, Stockdale trabalhou para a Polícia Metropolitana, onde fez parte da força de proteção pessoal da rainha, depois de deixar o norte da Inglaterra e seu emprego anterior como trabalhador rural para morar em Londres. A carta estava guardada em uma pasta com o nome do ex-policial e, segundo o vendedor, “estava juntando poeira” por cerca de “30 a 40 anos”.

Continua após a publicidade

+ Guarda britânico é condenado a 13 anos de prisão por espionar para Rússia

“Não tenho absolutamente nenhuma ideia de como ele conseguiu que a carta fosse escrita pelo rei Charles quando ele era um menino”, disse o vendedor. “É uma das muitas coisas que ele guardou”.

Hanson levantou a hipótese de que a carta foi dada como um presente ao oficial. Ele ainda citou que o ex-policial recebeu cartões postais e cumprimentos de aniversário pela rainha e pela rainha-mãe.

O casal também encontrou outras recordações reais na pasta, como um convite para um baile no Castelo de Balmoral, um bilhete assinado pela rainha-mãe, etiquetas de presentes assinadas pela rainha Elizabeth II e pelo príncipe Philip e a cópia da transmissão de Natal de 1956 da rainha. Os itens vão estar à venda a partir do dia 7 de março.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.