Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cuco Bistrô é eleito o melhor restaurante brasileiro de Salvador

Criada por um estrangeiro, a casa premiada por Veja Comer & Beber em 2019 tem cardápio recheado de clássicos da culinária baiana

O melhor restaurante de comida brasileira da cidade, decidiu o júri de VEJA COMER & BEBER, pertence a um espanhol. Falamos de José Iglesias Garcia, nascido na região da Galícia há 56 anos. Se bem que dá para considerá-lo mais baiano que muito soteropolitano — vive em Salvador desde os 6 anos de idade, o que o sotaque local confirma. Aficionado de arte popular brasileira, ele encheu as paredes amarelas do restaurante, que fica no Largo do Cruzeiro de São Francisco, com xilogravuras que remetem à literatura de cordel e encomendou a um artista da região um impressionante painel de cerâmica, pendurado próximo ao bar. A compra dos pescados preparados pelo chef João Silva é de responsabilidade de Garcia, que pula da cama de madrugada até duas vezes por semana para garantir os exemplares mais frescos possíveis. Quem chega à procura de algo típico dificilmente resiste ao bobó de camarão — a versão que custa R$ 79,00, indicada para uma pessoa, sacia duas tranquilamente — ou à moqueca, feita com peixe do dia e camarão (R$ 162,00, para dois). Da seleção de petiscos, os campeões de pedidos são o exibidinho de carne de sol e fumeiro com purê de batata- doce, requeijão e queijo de coalho (R$ 57,00), e os camarões com azeite, alho, salsinha e pimenta-de-cheiro (R$ 58,00), o único item do cardápio que remete à culinária da terra natal do proprietário. A clientela costuma alternar as garfadas com goles de cerveja Eisenbahn (R$ 11,00 a long neck) ou de drinques como o aperol spritz (R$ 26,00). Servido com sorvete de coco verde, calda de gengibre e doce de leite, o bolo crocante de tapioca é uma das sobremesas mais elogiadas (R$ 23,00). Largo do Cruzeiro de São Francisco, 4 e 6, Pelourinho,3321-8722 (90 lugares). 11h/22h30 (dom. só almoço até 17h). Aberto em 2014. $$$

2º lugar – Donana

No restaurante, fundado por Ana Raimundo Silva Santos, a Donana, a refeição pode começar com o camarão à joel, cozido no vapor, com azeitonas e acompanhado de arroz, farofa e pirão (R$ 118,90, 600 gramas). Outra opção é o ensopado de polvo (R$ 159,90, para duas pessoas) ladeado por arroz, farofa e feijão-fradinho. No arremate, a musse de coco-verde (R$ 9,00) é uma das sobremesas mais pedidas. Avenida Teixeira Barros, s/nº, Brotas, Centro Comercial Conjunto dos Comerciários,3019-7840 (200 lugares). 11h30/17h (ter. até 16h; feriados até 22h; fecha seg.); Rua Praia de Itapuã, quadra 4, lote 6, Vilas do Atlântico, Lauro de Freitas,3379-4364 (100 lugares). 11h30/17h. Aberto em 1988. $$$

3º lugar – Dona Mariquita

Entre as especialidades de Leila Carreiro, chef e proprietária da casa, destaca-se o sirimole frito e servido com farofa e vinagrete (R$ 60,00, para duas pessoas). Outro hit do lugar é a moqueca de feijão, uma espécie de feijoada incrementada com azeite de dendê e ovos e entre outros ingredientes (R$ 80,00, para dois). Para beber, o suco de caju e limão é o xodó da clientela (R$ 15,00 a jarra de 750 mililitros). Rua do Meio, 178, Rio Vermelho,3334-6947 (60 lugares). 12h/0h (seg., ter., dom. e feriados só almoço até 17h). Aberto em 2006. $$

Quer conhecer todos os campeões de VEJA COMER & BEBER? Clique aqui.