Clique e assine com até 92% de desconto

Vettel celebra quinto lugar salvador após vacilo em largada

Por Da Redação 15 abr 2012, 07h36

O alemão Sebastian Vettel estava entre os primeiros colocados a poucas voltas do fim do Grande Prêmio da China de Fórmula 1, mas acabou ultrapassado seguidamente e terminou a corrida deste domingo em quinto. Mesmo assim, celebrou sua colocação após largar em 11e cair para 15antes mesmo da primeira curva da prova.

Vettel optou por uma estratégia de apenas duas trocas de pneus, mesma que utilizou no GP da China de 2011, e viu sua Red Bull cair muito de rendimento nas últimas voltas, com o desgaste dos compostos. Nessa condição, não conseguiu oferecer resistência aos britânicos Jenson Button e Lewis Hamilton, da McLaren, e a seu companheiro Mark Webber, que cruzaram a linha de chegada após o alemão Nico Rosberg, vencedor da corrida.

‘Foi uma pena porque o pódio estava ao mesmo tempo tão perto e tão longe, mas mesmo assim foram bons pontos e uma boa recuperação da 15posição’, disse o bicampeão mundial. Na temporada passada, ele foi ultrapassado nas mesmas condições por Hamilton, que ficou com a vitória em Xangai. ‘Foi ficando mais e mais difícil, não tinha mais nada dos pneus e sabia que minha única chance era tentar escapar de Kimi , mas acho que ele teve o mesmo problema’.

Vettel celebrou a quinta colocação da corrida por ter enfrentado um fim de semana complicado na China. Utilizando o sistema de escapamento antigo da Red Bull, por escolha própria, ele conseguiu apenas a 11colocação do grid. Para piorar, largou mal e caiu para a 15posição e foi obrigado a fazer prova de recuperação.

‘Acho que eu vacilei na largada. Fui um pouco atrasado. Normalmente sou bem rápido quando as luzes apagam, mas acho que hoje fui um dos últimos, não estava acordado o suficiente’, avaliou Vettel, que também citou a falta de velocidade da Red Bull nas longas retas do circuito de Xangai como um obstáculo para um desempenho melhor.

Continua após a publicidade
Publicidade