Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Valdivia ganha elogios de Felipão e deve ser poupado no sábado

O meia Valdivia correspondeu às expectativas do técnico Luiz Felipe Scolari no empate por 2 a 2 contra o Atlético-PR, na noite de quarta-feira, pela Copa do Brasil. Autor da assistência para o gol de Barcos e mais participativo na criação, o chileno recebeu elogios de Felipão, que manifestou a preocupação em evitar um desgaste do meia e, por isso, deve poupá-lo na estreia do Campeonato Brasileiro, na noite de sábado.

‘O Valdivia vem muito bem e está tendo cuidados um pouco diferenciados depois dos exames feitos por um cientista, que deu ideias diferentes do normal. Sabemos agora todo tipo de fibra do atleta e estamos fazendo trabalho com o departamento físico, para ter o mínimo de lesões. Quando tem condições de jogar, é um craque’, afirmou o técnico.

Em função da série de problemas musculares que enfrentou desde que retornou ao Palmeiras, o Mago passou no mês passado por uma biópsia comandada por Beny Schmidt, que constatou a necessidade de uma adaptação nos trabalhos do atleta.

Na saída do gramado do estádio Durival de Britto, em Curitiba, o camisa 10 palmeirense manifestou satisfação por seu desempenho, mas reconheceu a necessidade de ter cautela com a série de jogos.

‘Agora, começa a complicar, porque vai ter jogo no sábado. Quero jogar, mas lamentavelmente tenho que segurar um pouco’, ponderou. Apesar disso, o chileno deixa claro que a decisão caberá ao treinador alviverde.

‘No ano passado, nunca pedi para ser poupado e agora vai ser a mesma coisa. Se bobear, você vai para o banco. Está difícil, mas vai depender do que o professor pedir’, acrescentou.

O jogo de volta contra o Atlético-PR será na noite de quarta-feira, na Arena Barueri. Na visão de Felipão, é arriscado colocar time completo para encarar a Portuguesa, neste sábado, no Pacaembu. Por isso, além de Valdivia, outros jogadores ganharão descanso na estreia do Brasileirão.

‘Vou estudar, porque o jogo já é no sábado. Provavelmente, vamos ter de fazer duas ou três substituições por questão de desconforto. O João Vitor tem menos possibilidade de jogar. Quem sabe eu monte uma equipe diferente, porque hoje tenho mais chances de fazer uma escalação leve, com corrida e velocidade, pois tenho Mazinho, Luan, Maikon Leite, Felipe…’, encerrou.