Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Thiago Silva só observa treino, e deve desfalcar Brasil

Por Da Redação 7 jun 2012, 20h00

Por Mateus Silva Alves

Nova Jersey – O zagueiro Thiago Silva esteve nesta quinta-feira no treino que a seleção brasileira fez no campo da Universidade Rutgers, em Nova Jersey, mas sua presença não aumenta as chances de entrar em campo no sábado, diante da Argentina.

O defensor do Milan ficou fora do gramado fazendo um trabalho especial para tentar se recuperar da contusão no joelho direito que sofreu no jogo contra o México. Antes mesmo do início da atividade, ele já estava sentado no banco de reservas com uma bolsa de gelo no joelho.

O médico da seleção, José Luiz Runco, vem dizendo desde o começo da semana que Thiago só será escalado para a partida contra a Argentina se conseguir treinar nesta sexta sem sentir dor no joelho. E nesta quinta ele não se mostrou muito otimista com essa possibilidade.

“Nós estamos trabalhando muito para colocá-lo no jogo, mas, se isso não for possível, tudo bem”, falou Runco, deixando claro que Thiago não será colocado em campo “no sacrifício” para jogar um amistoso.

O capitão da seleção também não estava com uma cara das mais animadas. Ele diz ainda acreditar em suas chances de participar da partida, mas seu discurso deixou claro que ele já sabe que dificilmente vai jogar. “Se eu não puder estar em campo, a seleção tem outros jogadores que podem exercer a minha função muito bem”.

Os outros jogadores a que Thiago se referiu, na verdade, são apenas um: Bruno Uvini, do São Paulo. Como Mano Menezes não convocou outro atleta para o lugar de David Luiz, que está com a seleção, mas sem condições de jogo, o garoto é o único zagueiro de que o treinador dispõe para a partida. Até para improvisar um jogador na posição ele tem dificuldades, já que o elenco que está nos Estados Unidos não conta com nenhum lateral ou volante que já tenha jogado como zagueiro.

Continua após a publicidade
Publicidade