Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

São Silvestre de 2011 terá recorde de participantes

Por AE

São Paulo – A 87.ª edição da São Silvestre, que será realizada no próximo dia 31, terá a participação de 25 mil corredores, recorde da história da tradicional prova paulistana, informou nesta segunda-feira a organização. As inscrições para a disputa foram encerradas no último domingo, no site da corrida, depois de terem sido iniciadas no dia 21 de setembro.

No ano passado, os organizadores da São Silvestre já haviam festejado o então recorde de 21 mil inscritos. Na ocasião, a elite da prova de 2010 contou com 142 corredores de nove países.

De acordo com os organizadores, esta edição da prova contará com 81% de homens e terá um corredor de 92 anos: o sul-mato-grossense Francisco José Paulino, que será o atleta mais velho do pelotão principal. Já o pernambucano Fhilipe de Barros, de apenas 18, foi o mais jovem a se inscrever para esta São Silvestre.

“Essa velocidade de inscrições só comprovam o prestígio da corrida. Desde o início do ano os atletas colocam a prova como meta. A hora está chegando tanto para os profissionais, que terão um percurso mais rápido, quanto para o pelotão geral, que fará a despedida de 2011 em grande estilo”, afirmou Júlio Deodoro, organizador da São Silvestre, ao comemorar o recorde de atletas inscritos.

Neste ano, a prova contará com um novo percurso e não terá mais a sua chegada na Avenida Paulista, como tradicionalmente acontece. Por questões logísticas, ligadas principalmente ao objetivo de dispersar os atletas da via mais famosa da cidade de São Paulo ao mesmo tempo em que se prepara a festa de Réveillon, desta vez os atletas completarão os 15 quilômetros da prova no Obelisco do Ibirapuera.

Pelo novo trajeto traçado, os corredores partirão do Masp, na Avenida Paulista, e seguirão em direção a outros pontos famosos da capital paulista, como o Estádio do Pacaembu, o monumento Duque de Caxias e o Teatro Municipal, antes de chegarem até o destino final da prova.

Marílson Gomes dos Santos, três vezes vencedor da São Silvestre e atual campeão da prova, é a principal esperança de vitória para os brasileiros entre os homens, enquanto os quenianos Mark Korir e Martin Lel aparecem como outros favoritos da elite da prova de 2011.