Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Rosberg lidera último treino livre e Bruno Senna faz 11 tempo

O último treino livre para o Grande Prêmio da Malásia foi realizado na madrugada deste sábado. O alemão Nico Rosberg (Mercedes) liderou a sessão em Sepang, enquanto Bruno Senna (Williams), melhor representante do Brasil, registrou o 11tempo. A tomada classificatória está marcada para as 5 horas (de Brasília).

Rosberg assegurou o primeiro posto ao fazer nos minutos finais 1min36s877, melhor marca do final de semana até o momento – ele é o único a dar uma volta em menos de 97 segundos. O alemão Sebastian Vettel e o australiano Mark Webber, ambos da Red Bull, completaram o grupo dos três primeiros colocados (o primeiro registrou 1min37s320 e o segundo, 1min37s338).

Em um sinal de bom rendimento de Lotus, o finlandês Kimi Raikkonen fez o quarto melhor tempo da sessão, seguido pelo francês Romain Grosjean, seu companheiro de equipe. Ganhador do Grande Prêmio da Austrália, prova que abriu o Mundial no domingo passado, o britânico Jenson Button (McLaren) terminou na sexta colocação.

A Williams também teve uma boa performance no último treino livre em Sepang, a ponto de seus pilotos ocuparem as primeiras colocações da tabela de tempos durante alguns momentos. O arrojado venezuelano Pastor Maldonado ficou com a sétima melhor marca e o brasileiro Bruno Senna foi o 11lugar.

Bruno Senna não participou do primeiro treino livre para o Grande Prêmio da Malásia, realizado na última sexta-feira, já que cedeu carro para o finlandês Valtteri Bottas, terceiro piloto da Williams. Na última sessão antes da tomada classificatória, o brasileiro completou 20 voltas e foi o competidor que mais andou.

Pole position no Grande Prêmio da Austrália, o britânico Lewis Hamilton (McLaren) liderou os dois primeiros treinos livres em Sepang, mas teve um desempenho apenas discreto neste sábado. Superado pelo alemão Michael Schumacher (Mercedes), ele perdeu o controle em uma curva, completou somente oito voltas e fez o nono tempo.

O desempenho da Ferrari, mais uma vez, foi decepcionante. Superado pelo japonês Kamui Kobayashi e pelo mexicano Sergio Perez, ambos da Sauber, o espanhol Fernando Alonso fez a 13melhor marca da sessão. O brasileiro Felipe Massa, por sua vez, acabou no 18lugar, atrás dos carros da Force India e da Toro Rosso.

Em Sepang, a Hispania tenta se classificar para uma corrida pela primeira vez na temporada, já que foi excluída do Grande Prêmio da Austrália. O espanhol Pedro de la Rosa chegou a andar na casa dos 1min42s, mesmo ritmo do alemão Timo Glock (Marussia), mas o indiano Narain Karthikeyan, último colocado, fez apenas 1min43s378.