Clique e assine a partir de 9,90/mês

Roberto pede para que o Atlético-GO trabalhe calado diante de revés

Por Da Redação - 10 jun 2012, 20h57

Hélio dos Anjos assumiu o Atlético-GO logo no início do Brasileiro para mudar a postura defensiva, adotada por Adilson Batista no Campeonato Goiano, para uma mentalidade de jogo mais ousada. No entanto, as duas derrotas em suas duas primeiras partidas à frente do clube não irritaram apenas o torcedor rubro-negro, mas também os jogadores do Dragão.

Um dos atletas mais incomodados com o revés por 2 a 0, diante da Portuguesa, no Canindé, era o goleiro Roberto. Sem entender a apatia de sua equipe dentro de campo, o atleta pediu para que todos os jogadores fiquem calados na sequência da competição e trabalhem firme para corrigir os erros apresentados no duelo contra os paulistanos.

‘É complicado perder de novo sem jogar bem. Nós temos é que ficar calados e trabalhar para acertar isso aqui. Está tudo errado nessa equipe’, disparou o transtornado arqueiro titular do Atlético-GO neste Brasileirão.

Menos agressivo que o camisa 01 rubro-negro, o lateral direito Joílson também admitiu que o estilo de jogo diferente dos dois treinadores vem comprometendo as atuações do Dragão na competição nacional. O atleta entende que os erros cometidos pelo time no torneio serão corrigidos apenas com o tempo e pediu a compreensão do torcedor nas próximas rodadas.

Continua após a publicidade

‘É difícil essa troca no comando. Agora, temos que nos adequar ao estilo do Hélio (dos Anjos). A gente estava lá fazendo coisas totalmente diferentes com o Adílson Batista e agora precisamos procurar a melhor forma de acertar a equipe nos próximos jogos’, completou o jogador.

Publicidade