Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Rafael reclama de bola do Mundial: ‘É horrível’

Por Da Redação 15 nov 2011, 12h05

Com o Brasileirão na reta final, o Santos já intensifica a sua preparação para o Mundial de Clubes da Fifa, em dezembro, no Japão. E, a um mês da disputa, o goleiro Rafael sabe qual será o seu principal obstáculo na disputa do torneio: a bola.

O arqueiro santista não poupou críticas a bola, que é mais leve do que a utilizada no Campeonato Brasileiro. Rafael contou que já teve a oportunidade de treinar com essa bola, quando esteve a serviço da Seleção Brasileira contra a Argentina, no Superclássico das Américas.

‘A bola é horrível. Essa é a mesma que eu treinei na Seleção. Ela é ruim, difícil de jogar para o goleiro. Com certeza a bola vai ser mais um obstáculo para superarmos’, disse o camisa 1 do Peixe, que deve passar a trabalhar com a bola do Mundial a partir da próxima semana.

Rafael revelou ainda que esse foi um pedido dele e do preparador de goleiros da equipe, Oscar Rodriguez, ao técnico Muricy Ramalho, para acelerar o seu processo de adaptação à bola que será utilizada nos compromissos dos alvinegros no Japão.

‘Eu conversei com o Oscar e falamos com o Muricy para termos essa bola o quanto antes. A bola deve chegar na semana que vem e aí já poderemos treinar com ela. Isso é importante. Preciso me acostumar com essa bola’, concluiu.

Continua após a publicidade
Publicidade