Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Procurador do STJD denuncia Kleber, Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho

O jogo entre Palmeiras e Flamengo foi polêmico em campo e ainda traz consequências aos atletas das duas equipes. Nesta terça-feira, o procurador-geral do Superior Tribunal de Justiça Desportiva, Paulo Schmitt, confirmou a denúncia ao palmeirense Kleber e aos flamenguistas Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho.

‘Oferecemos denúncia de todos os fatos que envolvem essa partida, independentemente dos que ocorreram no campo de jogo, tanto no caso do Kleber quanto no de Thiago Neves ou Ronaldinho Gaúcho. É controverso que o atleta se permita manipular ou escolher a partida que deve ou não cumprir suspensão automática por acúmulo de cartões. São hipóteses que a procuradoria vai avaliar’, afirmou Schmitt, à rádio Brasil.

Os três foram enquadrados pelo STJD no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (assumir atitude contrária à disciplina ou à ética). Se condenados, os jogadores podem ser punidos com suspensão entre um e dez jogos.

O caso de Kleber gerou uma confusão em campo na partida contra o Flamengo. Na ocasião, o árbitro Leandro Vuaden paralisou o jogo para atendimento médico ao flamenguista Junior Cesar. Ao dar bola ao chão, os rubro-negros esperavam que o Gladiador tocasse para fora, mas o atacante partiu em direção ao gol e finalizou para fora, gerando reclamação dos adversários.

Em relação a Thiago Neves e Ronaldinho Gaúcho, Schmitt promete denúncia por outro motivo. A dupla recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Palmeiras e, depois da partida, Thiago Neves admitiu ter forçado a advertência. Ainda não há uma data para o julgamento dos três.