Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Palmeiras almeja laterais de Coritiba e Atlético-PR

Por Daniel Batista

São Paulo – Sem maiores objetivos nesta reta final do Campeonato Brasileiro após se livrar do risco de ser rebaixado, o Palmeiras começa a intensificar o seu planejamento para 2012, quando espera ter uma temporada bem melhor do que a vivida neste ano. E por este planejamento passa a contratação de jogadores, pois o plantel atual vem mostrando uma série de limitações.

O novo gerente de futebol do clube, César Sampaio, viajou na última quarta-feira para Curitiba, onde tentou encaminhar a aquisição de dois atletas. Um deles é o lateral-direito Jonas, do Coritiba, que viria para compor o elenco e ser o provável reserva de Cicinho. Já o outro reforço pretendido é o lateral-esquerdo Paulinho, do Atlético-PR, com que o Palmeiras também negocia.

Sampaio fez uma proposta por Jonas, que o Coritiba ficou de analisar. O jogador tem contrato com a equipe até dezembro de 2014, mas o Palmeiras espera contar com ele na próxima temporada. Já a contratação de Paulinho é um pouco mais complicada neste momento, pois o Atlético-PR hoje está na briga direta para se livrar do rebaixamento no Campeonato Brasileiro e vive um momento político conturbado.

A atual gestão do clube, que terá eleições presidenciais no próximo dia 15 de dezembro, está evitando negociar jogadores, até para não dar munição à oposição antes do pleito. Paulinho tem contrato com o Atlético-PR até dezembro de 2013.

Um outro lateral-esquerdo que está na lista de possíveis reforços do Palmeiras é Juninho, do Figueirense. Essa contratação, porém, se desenha como ainda mais trabalhosa, pois os direitos econômicos do jogador estão divididos em três partes, sendo que uma porcentagem pertence ao clube Audax-SP, outra ao empresário Eduardo Uran e uma terceira ao banco BMG. Com isso, o clube teria de negociar com todos eles para fechar a vinda do atleta.

TREINO FECHADO – Visando o clássico do próximo domingo, contra o São Paulo, no Pacaembu, pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro, o elenco do Palmeiras treinou com portões fechados para a imprensa nesta quinta-feira à tarde, na Academia de Futebol. Mas, apesar da estratégia adotada às vésperas do confronto, a tendência é a de que o técnico Luiz Felipe Scolari mantenha a mesma escalação do time que venceu o Bahia por 2 a 0, no último domingo, em Salvador.