Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Náutico evita euforia e prega respeito ao ASA

Muito perto de conquistar uma vaga na Série A de 2012, o Náutico vem evitando falar sobre o assunto e segue afirmando que o acesso para a elite do futebol nacional ainda não está assegurado. Para os jogadores, a equipe tem que respeitar seus próximos adversários e impedir que o foco do time mude no final do campeonato.

O lateral Peter foi quem salientou mais uma vez que os jogadores do Timbu só irão comemorar a classificação para a Primeira Divisão quando o time já estiver assegurado matematicamente no G-4. Enquanto isso, o atleta afirmou que o elenco está focado em pontuar no restante das partidas para se distanciar de seus adversários diretos e tomar a vice-liderança da Ponte Preta.

‘Quando todos estão focados em busca de um objetivo, é muito mais fácil dele se concretizar. E é isso que está acontecendo aqui no Náutico’, afirmou Peter, que teve seu discurso aprovado pelo goleiro Gideão. ‘Ninguém aqui pensa em 2012. Todos estão focados no acesso, em assegurar esse retorno. Só aí, se tudo der certo, vamos pensar em Série A.’

Além disso, o lateral do Náutico fez questão de pedir para que os jogadores e os torcedores respeitem o próximo adversário da equipe. Para o atleta, mesmo com o momento ruim do ASA na Série B, que coloca o time perto da zona do rebaixamento, os pernambucanos terão que encarar a partida como outro grande desafio na competição.

‘Vamos ter uma partida complicada e precisamos ter sabedoria para sair de lá com a vitória. Como sempre respeitando o adversário, mas acreditando no nosso futebol’, completou Peter.

O técnico Waldemar Lemos segue sem saber se poderá escalar o zagueiro Ronaldo Alves diante dos alagoanos. O defensor ainda se recupera de uma fratura no nariz e só terá sua escalação confirmada na sexta-feira, quando os alvirrubros encerram a preparação para o jogo deste sábado.