Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Ludogorets vence ‘final’ contra o CSKA e conquista inédito título búlgaro

Por Da Redação - 23 maio 2012, 18h01

Sofia, 23 mai (EFE).- O Ludogorets Razgrad fez história pela segunda vez nesta semana ao ganhar o título do Campeonato Búlgaro nesta quarta-feira, depois de bater o maior campeão do país, o CSKA Sofia, por 1 a 0, fora de casa.

Com a conquista inédita, a equipe que disputava a terceira divisão há dois anos, fez ‘dobradinha’, depois de ter vencido, também pela primeira vez, a Copa da Bulgária na última quarta-feira, contra o Lokomotiv Plovdiv, por 2 a 1.

Nesta quarta-feira, a equipe que tem três brasileiros – o zagueiro Guilherme Choco (ex-Santos), do meia Marcelinho (ex-São Paulo, São Caetano e Bragantino) e do atacante Juninho Quixadá (ex-Bragantino) – venceu com gol do meia Miroslav Ivanov, aos 18 minutos de jogo, cobrando pênalti.

No campeonato de pontos corridos, a partida foi uma verdadeira final do Campeonato Búlgaro, já que o Ludogorets entrou em campo com 67 pontos, dois a menos que o CSKA.

Publicidade

Com o título em jogo, os ânimos acabaram exaltados. Primeiro o zagueiro Granchov pisou em Marcelinho – autor dos dois gols da vitória na final da Copa da Bulgária – no primeiro tempo. Na etapa complementar foi a vez do meia Dyakov cometer falta no também brasileiro Júnior Moraes, do CSKA, e ser expulso.

Com o título, o Ludogorets garantiu inédita classificação para a Liga dos Campeões. O time vai disputar a competição a partir da segunda fase eliminatória. Por sua vez, CSKA Sofia, Levski Sofia e Litex Lovech, respectivamente, segundo, terceiro e quarto lugares no Búlgaro, estão qualificados para a Liga Europa. EFE

Publicidade