Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Lochte pode perder 32 milhões de reais em acordos publicitários

Perda do contrato com as grandes empresas que o patrocinam pode ocorrer após o nadador ter descumprido cláusulas sobre moral

Ryan Lochte, o nadador americano que estampou as primeiras páginas da imprensa depois de mentir sobre um roubo ocorrido no Rio de Janeiro, pode pagar caro pela noite de bebedeira e arruaça – mais especificamente, o caso deverá lhe custar entre 5 e 10 milhões de dólares, ou 16 e 32 milhões de reais. Lochte e outros três nadadores inventaram a história de um roubo a mão armada para tentar acobertar a depredação de um posto de gasolina na Barra da Tijuca.

Leia também:
Imprensa internacional mostra ceticismo sobre caso dos nadadores

Nadador irá pagar multa de R$ 35 mil por mentir sobre roubo
Comitê Olímpico dos EUA pede desculpas ao Brasil por nadadores

De acordo com a revista de negócios americana Forbes, a perda do contrato com as grandes empresas que o patrocinam pode ocorrer após o nadador ter descumprido cláusulas sobre moral ao mentir sobre o caso ocorrido no Rio e sair do país sem seus companheiros. De acordo com o site oficial do nadador, ele possui grandes acordos com empresas como Speedo, Ralph Lauren e Airwave.

Segundo o site americano Money Nation, a principal fonte de renda do atleta não vem das medalhas, mas sim dos contratos publicitários que mantém com essas empresas – acordos que estão ameaçados após os novos “acontecimentos olímpicos”.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Edison Rudolfo Galitzki

    moleque

    Curtir

  2. Gilmar de Oliveira

    Uma simples palavra, PINOQUIO , Pinocchio !!!!

    Curtir

  3. Fernanda Silva

    É pouco. Deveria ser banido também da próxima olimpíada.

    Curtir

  4. Valério Seccadio

    É parte do preço a pagar pela prepotência e pela ignorância sobre o q está além das fronteiras dos EUA.

    Curtir