Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Islândia é recebida como campeã no retorno ao país

Mesmo goleada pela França nas quartas de final, seleção nórdica foi a grande sensação da Eurocopa de 2016 logo em sua primeira participação no torneio

Os jogadores da seleção da Islândia tiveram uma recepção digna de campeões no retorno ao país na segunda-feira. Nem mesmo a eliminação nas quartas de final – com direito a derrota por goleada para a anfitriã França – diminuiu o orgulho dos torcedores em relação à campanha do time na Eurocopa. Os jogadores desfilaram em carro aberto e foram saudados por milhares de torcedores que lotaram as ruas da capital Reykjavik.

Leia também:

O melhor da Euro-2016: zebras, figuras e euforia

De nanica a sensação: comercial mostra a evolução do futebol na Islândia

Islândia, a seleção nanica que se tornou sensação da Euro

Estreante na competição, a Islândia, país com pouco mais de 300.000 habitantes, chocou o mundo ao avançar às oitavas de final, à frente de Portugal, com uma vitória e dois empates na primeira fase. A maior façanha, porém, ocorreu nas oitavas: vitória por 2 a 1 sobre a Inglaterra, em partida que teve 99,98 % de audiência no país. Nas quartas de final, a histórica campanha chegou ao fim na derrota por 5 a 2 para a França.

Na festa realizada na capital islandesa nesta segunda, os novos heróis nacionais subiram em um palco, onde comandaram novamente a coreografia que ficou famosa na Eurocopa, com o “grito viking” seguido por batidas de palmas simultâneas.

https://storify.com/vejanoticias/a-festa-da-islandia-na-euro-2016/embed?border=false

(da redação)