Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ídolo no Tottenham, Bale pede para que Redknapp comande a seleção

Um dos principais jogadores do Tottenham nesta temporada, Gareth Bale surpreendeu a torcida dos ‘Spurs ‘e clamou para que o técnico da equipe, Harry Redknapp, aceite o convite para dirigir a seleção inglesa de futebol. O jogador insistiu que oportunidades como essa não aparecem frequentemente na carreira de um treinador e apoiou a sua saída do clube.

‘Todos nós queremos que Harry (Redknapp) fique. Mas ele é um grande técnico e se a Inglaterra está fazendo esse chamado, essa é uma chance única. Você não pode recusar isso. Não o culparia por nada. Você nunca sabe quando isso acontecerá de novo’, disse o atleta, em entrevista ao tabloide inglês ‘The Sun’.

Neste domingo, o Tottenham voltou a vencer após cinco rodadas, superando o Swansea City por 3 a 1. Fã declarado do modo como Redknapp administra os problemas internos e a pressão da exigente torcida dos ‘Spurs’, Bale não poupou elogios ao seu comandante e voltou a apontar o treinador como o principal nome para o almejado cargo na seleção nacional.

‘Você precisa de um grande técnico que saiba lidar com a pressão e suporte jogadores de muita qualidade. Harry é um comandante fantástico e lidaria muito bem com estes atletas. Mas é claro que a decisão de aceitar ou não este cargo e inteiramente dele e só ele sabe se esse emprego é uma realização para a sua carreira’, completou o meia galês.

Apontado como o principal sucessor de Fabio Capello na seleção da Inglaterra, Redknapp afirmou por diversas vezes que não havia recebido nenhum convite oficial da Federação de Futebol do País. O técnico é um dos grandes responsáveis pela grande campanha do clube na temporada e briga na parte de cima da tabela do Campeonato Nacional para conseguir uma vaga na próxima Liga dos Campeões.