Clique e assine a partir de 9,90/mês

Ida de Higuaín para a Juventus enfurece torcida do Napoli

Até o ídolo Diego Maradona condenou a iminente transferência do atacante. Torcedores mais exaltados rasgaram camisas de Higuaín

Por da redação - Atualizado em 23 jul 2016, 21h27 - Publicado em 23 jul 2016, 21h15

O argentino Gonzalo Higuaín passou de herói a traidor na cidade de Nápoles em apenas um dia. Artilheiro do último campeonato italiano e maior ídolo do Napoli na atualidade, o atacante está prestes a trocar a equipe justamente pela Juventus, inimiga histórica do clube – a rivalidade extrapola a esfera esportiva e representa as tensões entre as regiões norte (mais rica) e sul (mais pobre) da Itália. Os apaixonados torcedores do Napoli não perdoaram a decisão de Higuaín e alguns até queimaram camisas do atacante. Até mesmo Diego Armando Maradona, também argentino e maior ídolo da história do clube, condenou a atitude de Higuaín.

Ganso chega ao Sevilla e já arranha espanhol

“Me dói que Higuaín vá para um rival direto, como a Juventus. Mas não se pode culpar o jogador, porque ele tem sua responsabilidade, mas os que fazem o negócio são os mais felizes. Eles não pensam nos torcedores. Estou cansado de dizer que hoje é mais importante um bom empresário do que um bom presidente. No meu tempo isso não acontecia. É uma lástima que a Fifa siga dormindo”, atacou Maradona. Higuaín já realizou exames médicos pela equipe de Turim e sua contratação deve ser oficializada nas próximas horas. O jogador ainda não se manifestou sobre a transferência.

https://www.facebook.com/DiegoMaradonaOficial/posts/1178703952180952:0

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Publicidade