Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Dagoberto chega ao Inter com sede de Libertadores

Por Da Redação 5 jan 2012, 08h05

Quase cinco anos no São Paulo não foram suficientes para que Dagoberto conquistasse uma Copa Libertadores. Duas vezes campeão brasileiro no Morumbi, o principal reforço colorado para a temporada 2012 disputou quatro vezes a principal competição do continente, mas o máximo a que chegou foi na semifinal, em 2010. No Atlético-PR, em 2005, foi um pouco mais longe: vice-campeão. Agora, no Beira-Rio, espera alcançar o título inédito em sua carreira.

‘O grupo do Inter é bom, e venho com vontade de conquistar a Libertadores. Como ainda não ganhei, terá um sabor especial. O Inter me passará o gosto de ganhar a Libertadores, e eu passarei ao clube o gostou de ganhar o Brasileirão’, frisou Dagoberto nesta quarta, em sua coletiva de apresentação no Beira-Rio, lembrando o fato de o Colorado não vencer o principal campeonato do país desde 1979.

O atacante, que usará a camiseta número 20, explicou que jogar pelo Internacional tem um valor simbólico especial para sua família: ‘minha família é colorada. Vê-la feliz é algo que não tem preço’, comemorou.

Além do histórico vitorioso por Atlético-PR e São Paulo, outro fator que motiva a torcida colorada é o retrospecto de Dagoberto contra o Grêmio: o atacante marcou sete vezes contra o Tricolor (uma pelo time paranaense e seis pelo paulista). No atual elenco do Inter, é o jogador que mais vezes balançou as redes do grande rival. D’Alessandro e Índio fizeram seis tentos cada.

Continua após a publicidade
Publicidade