Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Contundido, Kelly Slater não disputa etapa brasileira

Por Leonardo Maia

Rio – A etapa brasileira do circuito mundial de surfe, que começa nesta quarta-feira, no Rio, ficou sem a sua principal atração. O norte-americano Kelly Slater, maior surfista da história, não vai participar da competição no Brasil, porque ainda se recupera de uma contusão no pé esquerdo.

Dono de 11 títulos mundiais, incluindo os dois últimos, Slater sofreu um corte no pé esquerdo na semana passada e precisou dar três pontos no local. Com isso, ele não tem conseguido fazer as manobras nas ondas e achou melhor desistir da disputa da terceira etapa do ASP World Tour.

Com a ausência de Slater, fica aberta a disputa pela liderança do ranking mundial, que vem sendo ocupada pelo norte-americano de 40 anos após duas etapas disputadas na temporada. E quem pode se aproveitar disso é o brasileiro Adriano de Souza, o Mineirinho, que está em segundo lugar.

“É uma pena (a ausência de Slater). É um oponente sempre muito difícil. Por um lado, facilita para a gente. Por outro, a pressão aumenta sobre nós brasileiros”, afirmou Mineirinho, que foi o vencedor da etapa do Brasil no ano passado e conta com a força da torcida para repetir a dose.

Além de Mineirinho, outra aposta brasileira é Gabriel Medina, que tem apenas 18 anos e surpreendeu o mundo do surfe na temporada passada, quando ganhou duas etapas do circuito (Trestles e São Francisco). Ao todo, o Brasil terá 10 surfistas na disputa que acontecerá nas praias do Rio.