Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Alonso abre mão do vice-campeonato por mais uma vitória no ano

Por Da Redação - 6 out 2011, 14h28

Exceto pelo seu último ano na Renault, em 2009, desde 2005 o espanhol Fernando Alonso vence pelo menos duas corridas por temporada. Na atual, ele coleciona apenas o triunfo em Silverstone. Nas cinco corridas restantes, ele admite abrir mão até da segunda colocação no Mundial de Pilotos para subir no lugar mais alto do pódio novamente.

Há 125 pontos do líder Sebastian Vettel, esta é a primeira etapa na qual, matematicamente, Alonso não tem mais nenhuma chance de título.

‘Em dois meses, você esquece completamente as posições, então prefiro vencer um das cinco corridas restantes a ser segundo colocado no campeonato. Mesmo que esta seja a primeira corrida na qual estamos matematicamente fora da briga, há três ou quatro corridas nossas esperanças não eram altas. Não será uma abordagem dramática nesta temporada’, explicou.

Alonso garantiu que a equipe está muito concentrada e espera angariar informações importantes para a próxima temporada. Além disso, ainda não abandonou as esperanças de brigar pela segunda colocação no Mundial de Construtores. A Ferrari está em terceiro lugar com 268 pontos, enquanto a McLaren tem 353.

Publicidade