Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Rihanna pede boicote a Snapchat por piada com violência doméstica

Equipe do aplicativo pediu desculpas, afirmando que a propaganda havia sido 'aprovada por engano'

Rihanna propôs boicote ao Snapchat nesta quinta-feira, após rede social veicular propaganda de jogo que fazia piada com violência doméstica. No aplicativo, chamado Would You Rather (Você preferiria, em inglês), os usuários tinham que escolher entre estapear Rihanna ou dar um soco em Chris Brown, ex-namorado da cantora que a agrediu em 2009.

“Vocês gastaram dinheiro para incentivar algo que intencionalmente envergonharia vítimas de violência doméstica. Eu adoraria chamar isso de ignorância, mas sei que vocês não são tão burros assim”, escreveu a artista em publicação no Instagram. “Isso não é sobre meus sentimentos pessoais, mas sobre todas as mulheres, crianças e homens que foram vítimas de violência doméstica no passado e especialmente aqueles que ainda não se livraram dela.”

A cantora pediu que seus 61 milhões de seguidores desinstalassem o Snapchat. Ao longo desta quinta-feira, as ações da rede social na bolsa de valores caíram quase 5%.

Nos últimos dias, diversos usuários do Snapchat criticaram o anúncio nas redes sociais, entre eles a filha de Bill e Hillary Clinton, Chelsea Clinton. O aplicativo, então, retirou o anúncio do ar e afirmou, na última terça-feira, que a propaganda havia sido “aprovada por engano”. A plataforma reiterou suas desculpas na publicação de Rihanna: “Este anúncio é repugnante e nunca deveria ter aparecido em nosso serviço. Estamos investigando o que ocorreu para garantir que não aconteça nunca mais”.

 (com agência EFE)