Clique e assine a partir de 8,90/mês

Chris Brown sobre agressão: ‘Rihanna cuspiu sangue na minha cara’

Em documentário sobre sua vida, o cantor relembra o episódio em que bateu na ex-namorada

Por Da Redação - 16 ago 2017, 18h31

Um trecho do documentário Chris Brown – Welcome to My Life foi liberado nas redes sociais esta semana. No vídeo, o rapper conta como conheceu Rihanna e relembra quase graficamente todo o momento da agressão à cantora pela qual foi condenado pela Justiça.

“Eu ainda amo a Rihanna, mas vou ser honesto, nunca estava ok. Sempre nos perguntamos o que estávamos fazendo”, contou Chris Brown. Sobre a violência que resultou em processo, o rapper culpou a cantora por ter começado a briga. Rihanna teria visto uma ex-namorada do cantor em uma festa em que o casal estava. Ela confrontou o rapper e ele negou que soubesse que a outra estaria no local.

“Lembro que ela tentou me chutar, e daí eu realmente acertei ela, com o punho fechado, dei um soco nela”, disse o rapper. “Acertei o seu lábio. Quando eu vi, entrei em choque. Fiquei me perguntando por que raios havia batido nela. Depois disso, ela apenas cuspiu na minha cara, cuspiu sangue na minha cara e isso me enfureceu ainda mais”.

Segundo o relato do cantor, depois da agressão, Rihanna saiu do carro e começou a gritar pedindo ajuda. “Ele está tentando me matar”, ela dizia. “Isso vai me perseguir para sempre”, disse o músico sobre o ocorrido.

 

Continua após a publicidade
Publicidade