Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Poliana’ tem classificação indicativa elevada para 10 anos

De acordo com o Ministério da Justiça, a novela infantil contém 'violência e linguagem imprópria'

A novela infantil As Aventuras de Poliana, produzida pelo SBT, teve sua classificação indicativa alterada pelo Ministério da Justiça. Autoclassificada como livre para todos os públicos, a trama de Íris Abravanel foi reavaliada como inadequada para menores de 10 anos.

Segundo despacho publicado no Diário Oficial da União nesta terça-feira (20), os capítulos apresentam “bullying, exposição de pessoas em situações constrangedoras ou degradantes, supervalorização do consumo, ato violento e estigma/preconceito”.

O Ministério ainda informou que a emissora já havia sido notificada a respeito do conteúdo inapropriado para a classificação livre, mas não houve readequação dos capítulos.

O enredo conta a história de Poliana, uma menina órfã que vai morar com sua tia autoritária e descobre no otimismo uma forma de encarar o mundo. A produção é a primeira novela infantil do canal a receber essa classificação etária.

Procurada, a assessoria do SBT informou que só irá se manifestar após a notificação da Justiça, o que ainda não aconteceu.