Clique e assine a partir de 9,90/mês

Oscar de melhor filme estrangeiro será disputado por 92 países

O Brasil está na lista com o longa 'Bingo - O Rei das Manhãs', de Daniel Rezende

Por Da Redação - Atualizado em 5 out 2017, 20h05 - Publicado em 5 out 2017, 20h03

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos anunciou nessa quinta-feira que as cinco vagas da categoria de melhor filme estrangeiro no Oscar de 2018 serão disputadas por um recorde de 92 países. Um dos favoritos é o filme satírico sueco The Square, dirigido por Ruben Ostlund, que venceu o Festival de Cannes deste ano. Para representar o cinema brasileiro, Bingo – O rei das manhãs, de Daniel Rezende entra na disputa pela indicação da Academia. O longa conta história de Arlindo Barreto, um dos atores que interpretaram o palhaço Bozo em programas infantis nos anos 1980.

Entre os principais concorrentes estão a produção da Netflix dirigida por Angelina Jolie, First They Killed My Father, representando o Camboja, e 120 Battements Par Minute, de Robin Camillo, da França. Do líbano, concorre o The Insult, de Ziad Doueiri’s, enquanto a Noruega entra na disputa com Thelma, de Joachim Trier. Pela primeira vez haverá aspirantes do Haiti (Ayiti Mon Amour), Laos (Dearest Sister) e Síria (Little Gandhi) na disputa.

O filme estrangeiro consagrado no último Oscar foi o iraniano O Apartamento, de Asghar Farhadi. O cineasta boicotou a cerimônia logo depois que o presidente Donald Trump decidiu incluir o Irã entre os sete países muçulmanos cujos cidadãos foram proibidos de entrar nos Estados Unidos.

As indicações para a 90ª edição do prêmio serão anunciadas em 23 de janeiro e a cerimônia de premiação acontecerá em 4 de março em Hollywood.

Continua após a publicidade

(Com Agence France-Presse)

Publicidade