Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Compositor da trilha dos Simpsons é demitido após 27 anos

Americano Alf Clausen é autor também da trilha de 'Alf, o ETeimoso' e da trilha da série 'A Gata e o Rato'

Por Da redação - Atualizado em 31 ago 2017, 09h55 - Publicado em 31 ago 2017, 09h39

Aos 76 anos, 27 deles dedicados à série Os Simpsons, o compositor americano Alf Clause foi demitido do elenco da produção de Matt Groening. “Obrigado a todos pelo apoio. Infelizmente, a notícia é verdadeira”, tuitou Clausen na noite desta quinta-feira, junto ao link da matéria da revista Variety que antecipou a dispensa.

Ao todo, Alf Clausen musicou 560 episódios da família amarela desde a temporada de 1990-91. Para gravar as músicas, o compositor contava com uma orquestra de 35 instrumentos, algo como uma super big band que custava milhões de dólares por ano aos produtores de Os Simpsons.

Publicidade

Segundo o próprio Clausen contou à Variety, a justificativa que ouviu para o seu desligamento é que a produção do desenho de Homer e companhia queria mudar o tipo de música do seriado.

Indicado 30 vezes ao Emmy, o que faz dele o compositor que mais vezes concorreu ao grande prêmio da TV americana, Alf Clausen foi premiado duas vezes, ambas por seu trabalho em Os Simpsons. A maior parte das indicações que recebeu, aliás, estão ligadas à série: 23 das 30

Clausen também assinou a trilha de outras duas séries de sucesso da televisão americana: a de Alf, o ETeimoso e de A Gata e o Rato, ambas exibidas no Brasil pela Globo.

 

Publicidade

 

Publicidade
Publicidade