Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Brasileiros em Harvard explicam convite a Anitta: ‘Superação’

Cantora foi convidada a dar uma palestra na próxima edição da Brazil Conference, que já recebeu nomes como Gisele Bündchen, Dilma Rousseff e Sergio Moro

Por Da redação - Atualizado em 8 fev 2018, 16h42 - Publicado em 8 fev 2018, 15h39

Os organizadores do evento Brazil Conference, que acontece anualmente nas universidades Harvard e Massachusetts Institute of Technology (MIT) e é planejado por estudantes brasileiros dessas instituições, explicaram o motivo do convite a Anitta para dar uma palestra na próxima edição, entre os dias 6 e 7 de abril. Segundo a assessoria de imprensa da cantora, ela está analisando o convite.

“Como um evento que crê na pluralidade do Brasil, não podemos cometer a falha de não abordar também a cultura como elemento central de identidade do povo brasileiro”, diz uma nota enviada pela organização da Brazil Conference à imprensa. “Nesse sentido, confirmamos que estendemos o convite à cantora Anitta e esperamos ansiosamente para viabilizar a sua participação. Temos certeza que a sua eventual vinda seria muito valiosa; a sua história de constante batalha reflete a situação de muitos brasileiros e a sua história de superação e sucesso serve de inspiração.”

O evento, organizado desde 2015 na região de Boston, é uma iniciativa da comunidade brasileira de estudantes na cidade para debater os mais variados assuntos sobre o Brasil. A edição deste ano vai discutir iniciativas em execução no momento que tentam promover mudanças no país.

Por enquanto, estão confirmadas as palestras de Jorge Paulo Lemann, Ilan Goldfajn, Joice Toyota e Gustavo Franco. Em anos anteriores, o evento já recebeu nomes como Gisele Bündchen, Dilma Rousseff, Marina Silva, Gilberto Gil, Wagner Moura e Sergio Moro.

Publicidade