Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Nove temas da atualidade que podem cair no Enem e nos vestibulares de 2012/2013

Confira seleção de tópicos feita por professores de cinco cursinhos

Por Nathalia Goulart 18 mar 2012, 12h25

Eles não fazem parte do manual do candidato. Mas os estudantes já sabem que, para conseguir a aprovação nos vestibulares mais concorridos do país, incluindo o Enem, é preciso dedicar-se aos temas da atualidade. A leitura de sites, revistas e jornais, portanto, é prática obrigatória. “Os exames de seleção exigem que o aluno seja capaz de transcender a informação: ele deve saber interpretar os fatos, além de relacionar as novidades com o conteúdo aprendido em sala de aula. Em geral, não é preciso decorar nomes, datas e acontecimentos”, diz Alberto Nascimento, coordenador do Anglo Vestibulares.

Leia também:

NOVO: Os temas da atualidade que podem cair no Enem 2013

Raio-x do Enem: os conteúdos mais cobrados desde 2009

Não existem provas específicas de atualidades no Enem e nos vestibulares. O que há, de fato, são disciplinas como história e geografia fazendo uso de fatos recentes para abordar o que foi aprendido ao longo da vida escolar. A constante atualização auxilia no desenvolvimento de outra competência exigida pelos vestibulares, e também pelo Enem: a fluência na leitura. “O Enem traz enunciados longos e cheios de informação. Quem tem a leitura como hábito, atravessa com mais facilidade esse terreno arenoso, além de dispor de uma concentração mais apurada”, afirma Elias Feitosa, coordenador de história e geografia do Cursinho da Poli.

Continua após a publicidade

Outra razão importante para que os candidatos mantenham o olho no noticiário é o fato de que as informações jornalísticas podem enriquecer a argumentação, tão valorizada na prova da segunda fase dos vestibulares e na redação. “Ou o candidato tem um bom repertório ou a dissertação não para de pé”, diz Samuel Loureiro, professor de atualidades do Cursinho do XII.

Pata manter-se bem informado e preparado para a maratona de vestibulares, os professores dão algumas orientações. A primeira delas é filtrar os assuntos mais importantes do noticiário. O importante é identificar tópicos de relevância e aprofundar-se neles. “O problema de muitos alunos é que eles leem, mas não absorvem. Preocupados em decorar, se esquecem de interpretar a notícia”, diz Célio Tasinafo, do cursinho Oficina do Estudante. Outra orientação é fazer da leitura um hábito. “Se não é possível acessar um portal ou ler um jornal todos os dias, ter em mãos uma publicação semanal é indispensável”, diz Alex José Perrone, professor de atualidades do cursinho CPV.

Leia também:

NOVO: Os temas da atualidade que podem cair no Enem 2013

Raio-x do Enem: os conteúdos mais cobrados desde 2009

Continua após a publicidade

Publicidade