Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Preços de passagens da Gol subiram 14% em outubro

O indicador ficou também acima de setembro, ajudado pelo aumento da taxa de ocupação. Demanda aumentou 1%, enquanto oferta caiu 5,3%

Por Da Redação
25 nov 2013, 09h39

A companhia aérea Gol teve alta de 14% no indicador que mede preços de passagens (yield) em outubro sobre o mesmo período do ano passado, com redução de oferta no mercado doméstico e expansão no segmento internacional, informou a empresa nesta segunda-feira. O yield de outubro ficou entre 0,225 e 0,23 real, avançando também sobre setembro, quando havia ficado entre 0,217 e 0,223 centavos.

Considerando o mercado doméstico e internacional da Gol somados, a demanda, medida pela sigla em inglês RPK, subiu 1% entre outubro do ano passado e deste ano. Já a oferta (ASK), no mesmo período, caiu 5,3%. Com isso, a companhia conseguiu aumentar sua taxa de ocupação de 69,2% para 73,7%. Em setembro, essa taxa estava em 71,6%.

A empresa vem seguindo a estratégia de reduzir a oferta para fazer frente a uma demanda que cresce em ritmo menor do que outros anos e a preços elevados de combustível, que prejudicam seu balanço.

Leia mais:

Gol reduz prejuízo mas ainda opera (muito) no vermelho

Continua após a publicidade

Voos promocionais da Gol não darão direito a milhas

Tribunal manda Gol reintegrar 850 empregados da Webjet

Em relação apenas ao mercado doméstico, a demanda caiu 1,8%, ritmo bem menor do que a diminuição da oferta, em 8,3%, na comparação anual. A taxa de ocupação subiu, assim, de 69,7% para 74,6%. Em relação a setembro, porém, a demanda cresceu 8,2% e a oferta 5,3%.

No mercado internacional, a empresa registrou crescimento de 36,8% da demanda e de 29,4% da oferta em relação a outubro de 2012, o que contribuiu para que a taxa de ocupação neste segmento subisse para 66,5% – ante 62,9% um ano antes. Em comparação a setembro, houve aumento menos significativo da demanda (9,9%) e da oferta de assentos (4,5%). A taxa de ocupação em setembro foi de 63,3%.

Continua após a publicidade

Ainda segundo a Gol, a receita operacional por assentos-quilômetros oferecidos (PRASK) líquida cresceu 21% em outubro na comparação anual. A empresa destaca que esse é o 11º mês que o indicador apresentou crescimento de dois dígitos desde novembro de 12.

Segundo a companhia aérea, esse crescimento se deu em função da estratégia da Gol em atrair mais passageiros de negócios, que priorizam flexibilidade, pontualidade e tarifas competitivas com menor antecedência ao voo.

(com Estadão Conteúdo e agência Reuters)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.