Clique e assine a partir de 8,90/mês

‘Uma das melhores atuações que já vi’, diz diretor de ‘Aliança do Crime’ sobre Johnny Depp

Ator interpreta um dos gângsteres mais temidos dos EUA no filme que estreia em 12 de novembro

Por Da Redação - Atualizado em 10 dez 2018, 11h07 - Publicado em 13 out 2015, 10h01

“Ele usa pouco movimento. É muito econômico”, diz Scott Cooper

Bastante elogiado pelos críticos que viram Aliança do Crime em festivais de cinema antes da sua estreia no circuito comercial, marcada para novembro, Johnny Depp ganhou um afago também do diretor do filme, Scott Cooper. “Acho que sua atuação é uma das melhores que vi em muito tempo”, diz o diretor em um vídeo feito pela produção do longa que pode ser conferido com exclusividade no site de VEJA. Aliança do Crime é, de fato, considerado uma virada na carreira do ator, que vinha acumulando fiascos.

Leia também:

Johnny Depp realmente arrasa em ‘Aliança do Crime’

Johnny Depp é aclamado em Veneza com ‘Aliança do Crime’

Continua após a publicidade

Johnny Depp vira gângster em trailer de ‘Aliança do Crime’

No filme baseado em fatos reais, com estreia prevista para o próximo dia 12 no Brasil, Depp vive um dos gângsteres mais temidos dos Estados Unidos, Whitey Bulger. Ele tem como irmão Billy (Benedict Cumberbach), presidente do Senado de Massachusetts, e, como amigo de infância, o agente do FBI John Connolly (Joel Edgerton), que propõe a Bulger se tornar seu informante para ajudar a eliminar de Boston a máfia italiana. Aniquilada a concorrência, Bulger acaba ficando cada vez mais poderoso e rico.

“Johnny Depp e eu trabalhamos bem próximos na construção de Whitey Bulger”, diz Cooper no vídeo. “Johnny e eu conversamos sobre de onde vinha o poder de Whitey, sua confiança, seu modo de falar. Ele usa pouco movimento. É muito econômico.” Assista:

https://www.youtube.com/watch?v=eTQn2axJ3z8

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade