Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Tarcísio falou sobre saúde debilitada e medo da morte em entrevista a VEJA

Nas Páginas Amarelas, o ator, então aos 84 anos, divagou sobre a finitude da vida, o casamento com Glória e sua longa carreira artística

Por Raquel Carneiro Atualizado em 12 ago 2021, 19h44 - Publicado em 12 ago 2021, 12h22

Em 2019, Tarcísio Meira recebeu a reportagem de VEJA para falar sobre a peça O Camareiro, então em cartaz no Teatro Faap, em São Paulo. Na época, o ator, então com 84 anos, não escondia os dilemas da clausura do corpo: ele chegava e saia do espetáculo de cadeiras de rodas. “Talvez fosse mais educado atender o público de pé. Mas, me perdoem, estou cansado demais para isso”, disse. A dificuldade para andar advinha de um rompimento do menisco, motivo pelo qual ele passou por três cirurgias.

Na trama da peça, de autoria do dramaturgo inglês Ronald Harwood, Tarcísio vivia um ator shakespeariano à beira da morte conversando com seu camareiro. “A morte me assusta”, declarou ele então, ao mesmo tempo em que revelou certo conformismo com a finitude da vida: “Ninguém gosta de pensar que o fim está chegando. Mas ele está chegando para mim. Talvez eu deixe um vazio nas pessoas”. Antes da estreia da peça, Tarcísio havia ficado onze dias internado com uma  forte pneumonia. “Nos dois últimos anos, tive duas gripes fortes que atacaram meus pulmões”, disse ele.

Tarcísio ainda fez um protesto contra a falta de bons papéis para idosos na TV brasileira. “Os autores não acreditam que existam velhos na família brasileira, nem que eles tenham papel relevante. Sabe como é, são jovens autores, que se preocupam com os jovens. O que eles deveriam saber é que hoje são as pessoas de idade que passam mais tempo na frente da televisão assistindo às novelas. E essas pessoas sempre acompanharam minha carreira e a da Glória”, disse.  Leia aqui a entrevista completa.

  • Eterno galã da TV brasileira, Tarcísio morreu nesta quinta-feira, 12, aos 85 anos, vítima de complicações da Covid-19. Sua esposa, Gloria Menezes, 86, continua internada, mas apresenta melhoras progressivas. Ambos haviam recebido a segunda dose da vacina em março. “Estavam isolados e num descuido foram contaminados. Essa doença é traiçoeira”, disse a nora do ator, Mocita Fagundes, esposa de Tarcísio Filho, quando os sogros foram internados.

    Continua após a publicidade
    Publicidade