Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Dusty Hill, baixista do ZZ Top, morre aos 72 anos

A banda era a única com mais de 40 anos de formação a contar com todos os integrantes originais ainda tocando juntos

Por Felipe Branco Cruz Atualizado em 28 jul 2021, 16h28 - Publicado em 28 jul 2021, 16h05

Dusty Hill, um dos fundadores e baixista da banda ZZ Top, morreu nesta quarta-feira, 28, em sua casa em Houston, no Texas, aos 72 anos. A  informação foi confirmada pelos outros dois integrantes do grupo Billy Gibbons e Frank Beard em suas redes sociais. “É com pesar que comunicamos que nosso compadre, Dusty Hill, morreu em sua casa, enquanto dormia”, diz um trecho. “Nós, junto com a legião de fãs do ZZ Top ao redor do mundo, sentiremos sua falta, da sua boa natureza e de seu compromisso duradouro em manter o “Top”. Estaremos para sempre conectados naquele Blues Shuffle em C. Você fará muita falta, amigo”.

Formada em 1969, em Houston, o ZZ Top era a única banda com mais de 40 anos de estrada a contar com todos os membros originais ainda tocando juntos. O grupo se notabilizou por misturar blues-rock com southern rock, dois estilos musicais característicos do centro-sul do país, criando uma sonoridade única. O que também era único em Dusty, tal como em Billy Gibbons, eram as suas proeminentes barbas grandes e os indefectíveis óculos escuros. Embora tenham recebido diversas propostas comerciais de marcas de lâminas de barbear para apararem os pelos, eles nunca aceitaram. O único do grupo que não tinha barba era o baterista Frank Beard (ironicamente, beard em inglês significa barba).

Nascido em Dallas, em 1949, Hill aprendeu a tocar violoncelo no colégio, o que facilitou a transição para o baixo elétrico anos depois. Em 1968, ele se muda para Houston com o amigo Frank Beard, onde conhecem Gibbons e formam o ZZ Top, no ano seguinte. No início, eles se notabilizaram por fazer um rock and roll cru e sem firulas, mas a partir dos anos 1980, com o lançamento de Eliminator, eles começaram a experimentar novas tecnologias – com mais loops de guitarras, vocais manipulados e baixos sintetizados – que coincidiram também com a produção de diversos videoclipes satíricos, combinando com as letras que quase sempre falavam de mulheres, carros e churrascos.

Nas últimas semanas, Dusty havia se afastado da banda após sofrer uma lesão no quadril em decorrência de uma queda. Nesse período de convalescença, o baixista seria substituído por Elwood Francis.  No comunicado oficial do grupo, no entanto, eles não mencionaram se o acidente teve a ver com a morte.

Continua após a publicidade
Publicidade