Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Os bares mais legais para curtir a happy hour em Curitiba

Botanique é o campeão da categoria

Por Josi Basso, Larissa Angeli, Letícia Cardoso, Mara Andrich, Rosane Freire e Rosângela Machado 4 set 2018, 15h46

CAMPEÃO: Botanique é o melhor bar para a happy hour 

Baba Salim

O bar do casal libanês Jamal e Nazha Chiah é especializado em delícias árabes. As tradicionais esfihas de carne, queijo e zátar (R$ 2,60 a unidade) são devoradas ao lado de garrafas de cerveja Original e Amstel (R$ 10,80 cada uma) e Heineken (R$ 11,50). A dose de áraque, um forte destilado de uva e anis diluído em água, custa R$ 9,80. Rua Amintas de Barros, 45, Centro, ☎ 3222-7672 (40 lugares). 18h/0h30 (fecha dom.). Aberto em 1998. Aqui tem iFood.

Bar Baroneza

Para acompanhar pizzas em tamanho míni (R$ 18,00 reais cada uma), pastéis de queijo (R$ 19,90, oito unidades) e bolinhos de mandioca e costela assada (R$ 34,90, oito unidades), a clientela aponta no cardápio drinques e cervejas. O gim-tônica cítrico (limão, laranja e tangerina) custa R$ 14,50. Por uma Colorado Indica pagam-se R$ 21,00. Abre também para almoço. Rua Sete de Abril, 1250, Juvevê, ☎ 3352-9327 (180 lugares). 11h30/14h30 e 16h/2h (fecha dom.). Aberto em 2009. Aqui tem iFood.

CanaBenta

Ideal para pedir em grupo de amigos, a torre de petiscos sustenta três andares com porções de batata e polenta fritas, frango à passarinho, torresmo e calabresa (R$ 43,00). Outra pedida recorrente é a linguiça calabresa com mandioca gratinada (R$ 25,00). Caipirinha de vinho (R$ 21,00, 500 mililitros) e chope Brahma (R$ 15,00, 450 mililitros) disputam a clientela com a carta de cervejas artesanais. Rua Itupava, 1431, Alto da Glória, ☎ 30196898 (250 lugares). 17h/0h30 (sex. até 1h30; dom. 15h/0h; fecha seg.). Aberto em 2008.

Carmel

O salão das lareiras costuma atrair grandes grupos, enquanto a varanda é a preferida dos casais, que pedem para dividir os cubos de filé-mignon para mergulhar no molho gorgonzola que vem dentro do pão italiano (R$ 75,00). Há três estilos de chope da cervejaria Gauden a R$ 38,00 o litro. Tem boa oferta de cachaça e música ao vivo no esquema voz e violão. Rua Deputado Carneiro de Campos, 159, Hugo Lange, ☎ 3252-3222 (240 lugares). 18h/1h30 (sex. e sáb. até 2h30; fecha dom. e seg.). Aberto em 2007.

Cartolas Sports Bar

Tem nove TVs — se alguém quiser ver um esporte que não está passando, é só pedir. Para acompanhar as transmissões, grupos animados escolhem chope Brahma (R$ 9,90, 350 mililitros) ou cervejas de garrafa, como Original (R$ 12,90) e Serramalte (R$ 13,90). O bolinho de feijoada recheado de couve e bacon (R$ 22,90, seis unidades) e o frango à passarinho com batata frita (R$ 33,90) lembram que beber de barriga vazia não é bom negócio. Rua Emiliano Perneta, 880, Centro, ☎ 3209-6982 (120 lugares). 11h/15h e 17h/1h. Aberto em 2011.

Estofaria

O nome faz referência a uma antiga estofaria que funcionava no local. Não à toa, a decoração exibe sofás, como as poltronas de um cinema desativado. Para ajudar a dar conta do balde com cinco cervejas Amstel (R$ 9,60 cada uma), grupos animados pedem sanduíche de pernil (R$ 13,00), que vem com a carne desfiada cozida no vinho e na cerveja, e a porção estofadinho, em que almofadinhas de pão sírio são recheadas de carne com cheddar e cebola (R$ 25,00, seis unidades). Rua Itupava, 1564, Alto da XV, ☎ 3532-6657 (90 lugares). 18h/00h30 (fecha dom.) Aberto em 2011.

Continua após a publicidade

Mafalda Café e Bistrô

A inspiração para o nome é a personagem Mafalda, do cartunista argentino Quino. Da lista de comidas, a clientela elege o sanduíche ali babá, que dispõe no pão sírio carne bovina em tiras e mussarela derretida (R$ 22,50), e a sopa cabral, à base de batata, linguiça blumenau e couve (R$ 21,00). Da carta de drinques saem combinações como belle de jour (rum, licor de cassis e suco de limão) e mojito. Cada um deles custa R$ 18,50. A conta faz sorrir, porque chega à mesa com uma tirinha da Mafalda. Rua Tibagi, 75, Centro, ☎ 3079-1623 (100 lugares). 19h/1h (fecha dom. e seg.). Aberto em 2000.

Menina Zen

O casarão de esquina dos anos 1940 tem em seu quintal de 150 metros quadrados o espaço mais disputado. Lá os cachorrinhos de estimação são bem-vindos e o jardim é bem cuidado. Em clima de casa do interior, as bandejas circulam com pratos e petiscos. A mandioca do coronel, com carne-seca e parmesão, custa R$ 26,90. Cerveja Amstel e gim-tônica vão à mesa por R$ 13,90 e R$ 24,70, respectivamente. Rua Itupava, 1353, Alto da XV, ☎ 3018-5178 (300 lugares). 18h/1h (sáb. 16h/2h; dom. 16h/23h). Aberto em 2007. Aqui tem iFood.

Mustang Sally

Com jeitão de diner americano, oferece pedidas tex-mex. No ultimate nachos, as tortilhas artesanais de milho são recheadas de queijo, chili com carne, pasta de feijão, guacamole e sour cream (R$ 38,60, para três). O chope Itaipava (R$ 10,30) e a margarita (R$ 29,90) refrescam a garganta. Rua Coronel Dulcídio, 517, Batel, ☎ 30188118, (280 lugares). 17h/23h30 (sex. e sáb. até 1h30; fecha dom.). Mais dois endereços. Aberto em 2003. Aqui tem iFood.

Petiscaria do Victor

Neste bar que pertence ao grupo Victor, a casquinha de siri (R$ 19,00) e a carne de onça com broa preta (R$ 36,00) pedem um copo de chope — o Gauden Pilsen custa R$ 8,70 (300 mililitros). Faz as vezes de sobremesa o petit gâteau de chocolate (R$ 18,00). Avenida Manoel Ribas, 6995, Santa Felicidade, ☎ 3273-4444 (152 lugares). 18h30/23h30 (sáb. 12h/15h30 e 19h/23h30; dom. 12h/15h30, fecha seg.). Aberto em 2007. Aqui tem iFood.

Quermesse

Predominam sobre as mesas as garrafas de cerveja Serramalte e Original (R$ 10,00 cada uma), sempre ao lado de alguma comida. Em porção para compartilhar, as iscas de filé-mignon são mergulhadas no pão italiano recheado de creme de queijo (R$ 63,00). O buraco quente de pão francês é preenchido com molho bolonhesa e gorgonzola (R$ 17,00). Para arrematar, tem brigadeiro de panela (R$ 10,00). Rua Carlos Pioli, 513, Bom Retiro, ☎ 3026-6676 (350 lugares). 17h/1h (sáb. e dom. a partir das 12h; fecha seg.). Aberto em 2008. Aqui tem iFood.

Txapela

Enquanto beberica o coquetel de amoras maceradas, gim, tônica e limão-siciliano (R$ 25,00), a clientela aponta no cardápio de comidas o combinado de chapa de filémignon com batata rústica coberta por queijos prato e mussarela, mais cinco cervejas (long neck) Heineken. Tudo por R$ 76,00. O hambúrguer de carne bovina, queijo cheddar, cebola caramelizada no shoyu e molho barbecue é acompanhado de batata frita (R$ 23,00). Rua Bispo Dom José, 2481, Batel, ☎ 3153-2089 (250 lugares). 18h30/0h30 (qui. a sáb. até 1h30; fecha dom.). Aberto em 2011.

+ Confira os endereços gastronômicos premiados de Curitiba

Continua após a publicidade
Publicidade