Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

As melhores pizzarias em Belo Horizonte

Confira os estabelecimentos da categoria que valem a visita

Por Daniel Salles, Rafael Rocha, Juliana Koch, Juliana Soares, Lígia de Matos, Marcus Celestino, Mariana Celle e Rafaela Matias Atualizado em 9 dez 2017, 13h32 - Publicado em 9 dez 2017, 04h00

O roteiro a seguir, com doze endereços, integra a edição de VEJA COMER & BEBER BELO HORIZONTE 2017/2018:

Domenico Pizzeria Trattoria: eleita a melhor pizzaria pelo júri
As fotografias espalhadas pelas paredes verdes retratam destinos clássicos da Itália, como Roma e Veneza, e convidam a clientela a se imaginar na terra das pizzas. As daqui são assadas em dois fornos a lenha instalados nos fundos do salão principal — para um jantar intimista, a varanda com teto de vidro e iluminação indireta é mais recomendada. A campeã de pedidos, batizada de spaccanapoli, leva bastante molho pomodoro, mussarela de búfala e folhas de basílico (R$ 63,00). Igualmente irresistível é a que combina molho pomodoro, mussarela de búfala, aspargos, presunto cru e basílico (R$ 68,00). A sofisticada alba une molho pomodoro, mussarela especial, parmesão, gorgonzola, catupiry, mel trufado e sementes de gergelim preto (R$ 68,00). Sempre divididos em seis fatias e com massa fina e crocante, os discos podem ser preparados com uma ou duas coberturas. Para tapear a fome, tem boa saída o crostini com fatias de salmão defumado, queijo brie, pimenta-do-reino e raspas de limão-siciliano (R$ 45,00). O cardápio também lista calzones, risotos e massas como pappardelle com funghi porcini (R$ 69,00). A carta de vinhos, com mais de uma centena de sugestões, inclui os tintos italianos Montepulciano d’Abruzzo – Bonacchi (R$ 99,00) e Le Casine Sangiovese (R$ 103,00). Para encerrar, é pedida sem erro o canudo de amêndoas preenchido de creme mascarpone. Sorvete de macadâmia e calda de frutas vermelhas completam a sobremesa, que custa R$ 26,00. Rua Cláudio Manoel, 583, Funcionários, ☎ 2516-2969 (150 lugares). 18h30/0h (sex. e sáb. até 1h; dom. 18h/23h). Aberto em 2010. $$

2º lugar: 68 La Pizzeria
De atmosfera transadinha, a casa atrai a clientela com 62 coberturas de pizza, assadas em forno a lenha. A mais pedida é a la campioníssima, que leva carne-seca com cream cheese, tomate-cereja e manjericão (R$ 62,00, seis fatias). Nesse mesmo tamanho, a la premiata (R$ 68,00) combina mussarela, queijo brie, funghi e presunto de Parma. A carta de vinhos reúne 300 rótulos e inclui garrafas de países como Marrocos, Grécia e Líbia. Eles custam entre R$ 50,00 e R$ 1 800,00. Rua Felipe dos Santos, 68, Lourdes, ☎ 3291-7466 (360 lugares). 18h/1h (qui. e sex. até 2h; sáb. 12h/2h; dom. e feriados 12h/1h). Mais dois endereços. Aberto em 2006. $

3º lugar: Marilia Pizzeria
A casa passou por grandes mudanças, como a inauguração do espaço Vitta, em 2014. Desde então, o andar superior, para 150 pessoas, funciona como balada de música eletrônica às sextas-feiras e abriga eventos nos demais dias. O restaurante também ampliou o cardápio, que ganhou receitas como o nhoque de azeitona preta. A massa, feita com batata e esse tipo de azeitona, tem coloração mais escura e é servida com molho rôti, iscas de filé-mignon e tomate (R$ 59,00). Entre as 43 pizzas disponíveis, a cobertura campeã de pedidos é a de camarão (R$ 79,00). Compõem a receita doze camarões grandes empanados, molho de tomate e bisque de camarão, mussarela e um toque de catupiry. As pizzas são servidas em apenas um tamanho, de seis fatias,  e preparadas em forno a lenha. Rua Marília de Dirceu, 226, Lourdes, ☎ 3275-2027 (220 lugares). 18h30/1h. Aberto em 2002. $$

La Palma
A chef-proprietária é Naiara Faria, filha do aclamado chef Ivo Faria. Uma das coberturas de pizza que fazem a alegria da clientela, a ciao leva mussarela, presunto de Parma, queijo grana padano, rúcula, cogumelo-de-paris e orégano (R$ 49,00, quatro fatias; R$ 59,00, seis fatias). Entre os pratos, no braseado de black angus (R$ 56,00) a carne é cozida em baixa temperatura por horas até quase se desmanchar. A receita é acompanhada de risoto de queijo da Serra da Canastra e couve mineira. Para finalizar o programa, a dica é o canudo crocante (R$ 19,00), de massa bem fina de farinha de amêndoa, açúcar e manteiga recheada de creme de limão e coberta por calda de frutas vermelhas. Rua Professor Jerson Martins, 146, Bairro Aeroporto, ☎ 3441-4455 (168 lugares). 11h30/0h (sex. e sáb. até 1h; dom. até 18h; fecha seg.). Aberto em 2013. $

Olegário Pizzaria
Além de pizzas tradicionais, a casa oferece uma versão de tapioca em tamanho brotinho. A massa é feita com tapioca e tem um leve toque de queijo, para dar liga. Uma das quase quarenta sugestões de cobertura, a olegário leva mussarela especial (mistura da normal com a de búfala), pancetta, azeitona preta, pimentões amarelo e vermelho, cebola, ovo, orégano e salsinha. Se pedida com massa tradicional, custa R$ 66,00 (quatro fatias); com massa de tapioca, sai por R$ 41,00. Para abrir o apetite, a dica é a palla ao forno (R$ 52,00, para duas pessoas). Trata-se de uma burrata envolta numa fina massa de pizza e servida com tomatinhos confit, pesto de manjericão, rúcula e redução de vinagre balsâmico. Avenida Olegário Maciel, 1748, Santo Agostinho, ☎ 3337-4446 (180 lugares). 12h/15h e 18h/1h (sáb., dom. e feriados 12h/1h). Mais quatro endereços. Aberto em 2004. $

Continua após a publicidade

Pizza Caraíva
Sob o comando de José Scotini, mais conhecido por Zé Um, oferece 55 coberturas de pizza, como a paul mccartney, que vem com camarão na moranga, catupiry e molho do chef, à base de tomate (R$ 59,50, para duas pessoas). As pizzas agora podem ser pedidas com queijo sem lactose e massa sem glúten. Entre as opções veganas, a sepultura (R$ 53,00) combina molho de tomate, mussarela vegana, shiitake e shimeji refogados no azeite e salpicados com shoyu e orégano. Uma das redondas doces, a barra grande é preparada com chocolate, morango e sorvete de creme (R$ 31,50). Rua Itapema, 19, Anchieta, ☎ 2555-0613 (80 lugares). 18h30/0h (qui. e sex. 19h/1h; sáb., dom. e feriados 2h/0h; fecha seg.). Aberto em 2002. $

Pizza no Galpão
O galpão que dá nome à casa tratava-se de uma oficina mecânica, que depois de repaginada se transformou em restaurante. Cacarecos espalhados pelo salão rendem uma aura de antiquário ao ambiente. A seção de entradas do menu lista a piadina, massa de pizza com parmesão temperada com orégano, sal grosso e alecrim (R$ 16,00). Entre as pizzas, tem fama a pizzaiolo, coberta por molho de tomate, mussarela, cogumelo trifolati, queijo brie e fatias finas de presunto de Parma (R$ 68,00, seis fatias). No arremate, seis unidades de minichurro de doce de leite saem a R$ 19,00. Às terças, quem compra uma pizza ganha outra de valor igual ou inferior. Avenida Francisco Sá, 281, Prado, ☎ 3291-1681 (180 lugares). 18h30/0h (sex. e sáb. até 1h). Aberto em 2013. $$

Pizza Sur
A decoração remete à Argentina, com quadros com dançarinos de tango e fotos de celebridades da terra natal do proprietário Gustavo Alejandro Roman. O menu começa com empanadas como a de aipo com gorgonzola (R$ 9,00) e, em seguida, apresenta pizzas. A surpreendente 2008 (R$ 67,90) leva mussarela, pera cozida, alho-poró, queijo brie e presunto de Parma e é quadrada, um dos diferenciais da receita servida aqui. Para adoçar o programa, vá na típica panqueca de doce de leite e sorvete de creme (R$ 18,50). Nas filiais da Savassi e de Lourdes, há também almoço em bufê (R$ 5 4,90 o quilo). Rua Vitório Marçola, 146, Cruzeiro, ☎ 3285-4203 (140 lugares). 18h/0h30. Mais dois endereços. Aberto em 2006. $

Santa Pizza
Rodeada pela boemia do bairro Santa Tereza, a charmosa pizzaria funciona em uma casa construída em 1938 para abrigar um armazém. Todo o cardápio faz referência a santos e a pizza que recebeu o nome da casa leva molho de tomate, mussarela, presunto, cebola, pimentão, milho, calabresa, ovo, azeitona preta e manjericão (R$ 54,90). Já a santo agostinho recebe cobertura de presunto de Parma, mussarela de búfala cremosa, geleia de damasco, molho de tomate italiano, nozes e manjericão (R$ 65,90). Todas têm seis fatias. Novidade, o almoço de domingo traz quatro opções de prato principal e cinco entradas a cada semana. Rua Silvianópolis, 452, Santa Tereza, ☎ 2555-8222 (160 lugares). 18h/0h (dom. a partir de 12h; fecha seg.). Aberto em 2009. $

Speciali
Algumas das pizzas assadas em forno a lenha ganham detalhes inusitados, como a parma e basílico (R$ 44,40, quatro fatias), com massa que leva manjericão na receita e tem cobertura de mussarela de búfala, presunto de Parma e lascas de parmesão. Também chama atenção a aglionero (R$ 48,50), com queijo brie, tomate pelado, alho negro e rúcula silvestre. Sugestão mais tradicional, a capresi (mussarela de búfala, tomate, pesto de azeitona e folhinhas de manjericão) custa R$ 36,20. Finalize a visita com o disco de Nutella com morango (R$ 32,90). Rua Fernandes Tourinho, 805, Lourdes, ☎ 3284-7060 (120 lugares). 12h/0h (seg. a partir das 18h). Aberto em 2001. $

Verona
A decoração do restaurante reproduz a de uma cantina italiana e inclui uma generosa adega, com 150 rótulos. Das prateleiras para o salão principal saem rótulos como o argentino Los Clop Malbec 2015 (R$ 89,00). Opção de entrada, a burrata acompanhada de rúcula e tomatinhos regados com azeite extravirgem e sal rosa do Himalaia sai a R$ 42,00. As pizzas servidas na casa têm mussarela com menos gordura que a comum. Além do queijo, a pizza di positano é coberta por peito de peru defumado, cream cheese, manjericão e pimenta-rosa
(R$ 69,00). Por R$ 74,00, a di portofino recebe molho de tomate, mussarela, atum fresco confitado, cebola roxa, alcaparras e azeitona preta. O restaurante serve ainda alguns pratos italianos, como o pappardelle com ragu de cordeiro trufado (R$ 54,00). Rua Pium-í, 1259, Anchieta,
☎ 2513-0017 (250 lugares). 18h/2h (dom. 12h/0h; fecha seg.). Aberto em 2014. $

Villa Floriano
O forno a lenha fica logo na entrada da pizzaria, instalada num imóvel da década de 20 tombado pelo Patrimônio Histórico. Com salão interno e quintal lateral, a casa tem decoração rústica e possui um jardim de 300 metros quadrados nos fundos, onde são realizados eventos, aniversários e casamentos. Para fugir do lugar-comum, as dicas são a floriano (R$ 66,00, seis fatias), com shiitake salteado no azeite, mussarela, queijo brie e presunto de Parma, ou a camarão do rei (R$ 79,00), com camarões graúdos, molho de camarão, mussarela de búfala, tomate-cereja e rúcula. Pagando mais R$ 6,00, é possível optar pela massa sem glúten ou pela mussarela sem lactose. Além das pizzas, a casa oferece receitas italianas como o risoto de funghi (R$ 45,00) e a lasanha à bolonhesa (R$ 29,00). Avenida do Contorno, 3277, Santa Efigênia, ☎ 2510-7955 (240 lugares). 18h/0h (seg. a sex. almoço das 11h/15h). Aberto em 2014. $

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês