Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Bolsonaro volta a atacar a Anvisa: “pessoas taradas por vacinas”

O presidente segue na campanha contra a vacina para crianças de 5 a 11 anos, aprovada no mês passado pela agência

Por Gustavo Maia 6 jan 2022, 15h06

O presidente Jair Bolsonaro voltou a fazer campanha contra as vacinas da Covid-19 e atacar a Anvisa nesta quinta-feira, em entrevista a uma rádio de Pernambuco. Ele criticou a aprovação do uso do imunizante da Pfizer para crianças de 5 a 11 anos e chamou os técnicos da agência de “pessoas taradas por vacina”.

Bolsonaro comentava que a própria Pfizer admitiu a ocorrência de possíveis efeitos colaterais e questionou:

“E você vai vacinar teu filho? Contra algo que o jovem por si só, uma vez pegando o vírus, a possibilidade de ele morrer é quase zero? O que está por trás disso? Qual é o interesse da Anvisa por trás disso aí? Qual é o interesse daquelas pessoas taradas por vacina? É pela sua vida? É pela sua saúde? Se fosse, estariam preocupadas com outras doenças no Brasil, que não estão”, declarou.

Apesar de o Ministério da Saúde ter divulgado nesta quarta o calendário para a vacinação desta faixa etária no país, o presidente foi além e pediu que os ouvintes “não se deixem levar pela propaganda”.

“Conversem com seus vizinhos. Quantos garotas contraiu Covid e não aconteceu absolutamente nada com ele. Quando morre um garoto que contraiu Covid, geralmente, que isso é quase… eu desconheço, mas existe com toda a certeza algum moleque que morreu em função da Covid, mas é uma pessoa que tinha algum problema de saúde grave, ou era muito obeso, né?, tinha alguma outra comorbidade qualquer”, afirmou Bolsonaro.

E complementou: “então essa questão você tem que tomar cuidado porque os efeitos colaterais futuros a gente não sabe quais serão ainda”.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)