Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Matheus Leitão Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog

Nova pesquisa traz presentão para Doria em pleno furacão do PSDB

Segundo o levantamento, 38% dos eleitores afirmam que votariam com certeza ou poderiam votar no ex-governador de São Paulo

Por Matheus Leitão Atualizado em 30 Maio 2022, 17h38 - Publicado em 20 Maio 2022, 10h59

Enquanto as executivas de três partidos – PSDB, Cidadania e MDB – trabalham para tirar João Doria da disputa presidencial e apostar em Simone Tebet, nova rodada da Ipespe mostra que o potencial de voto do tucano hoje – e friso o hoje – é bem maior que a da emedebista.

Segundo o levantamento, 38% dos eleitores afirmam que votariam com certeza ou poderiam votar em João Doria. Já 17% responderam que votariam com certeza ou poderiam votar em Simone Tebet.

Ou seja, hoje, no dia 20 de maio de 2022, o tucano tem mais que o dobro do potencial de eleitores favoráveis a ele do que a emedebista. Isso é sintomático em meio à confusão que a autointitulada terceira via resolveu se meter.

O pior comportamento de fato é o do PSDB que, como dito na coluna nesta quinta-feira, 19, tenta dar mais golpe em João Doria, preterindo o candidato do próprio partido, que venceu as prévias democraticamente, em favor de uma de outra legenda.

Mas, voltando aos números da Ipespe divulgada nesta sexta, 20, Tebet se mostra, sim, desconhecida da maioria dos eleitores, como repetem em cantilena os líderes partidários do PSDB, do Cidadania e do MDB.

45% dizem que não conhecem Tebet o suficiente, contra apenas 8% que afirmam o mesmo de Doria.

Para eles, esse seria o elixir político que daria a ela a vantagem de ser uma melhor candidata ou mais competitiva contra Lula e Jair Bolsonaro. Ocorre que nada garante que o eleitor, ao conhecer melhor Simone Tebet, votará nela.

A notícia ruim da pesquisa para Doria é realmente a rejeição – 53% garantem que não votariam no tucano de jeito nenhum, enquanto 37% afirmaram o mesmo sobre Tebet.

Ou seja, uma diferença de 16 pontos percentuais.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)