Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Maquiavel

Por José Benedito da Silva
A política e seus bastidores. Com Laísa Dall'Agnol, Victoria Bechara, Bruno Caniato, Valmar Hupsel Filho, Isabella Alonso Panho e Adriana Ferraz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Blindagem à prisão de Allan dos Santos provocou queda de delegada da PF?

Rumores entre agentes da corporação vinculam exoneração surpreendente de agente ao processo de extradição do blogueiro

Por Reynaldo Turollo Jr. Atualizado em 10 nov 2021, 12h03 - Publicado em 10 nov 2021, 11h22

Publicada nesta quarta-feira, 10, no Diário Oficial da União, a exoneração da delegada Silvia Amélia Fonseca de Oliveira da chefia do setor do Ministério da Justiça que cuida de processos de extradição levantou fortes suspeitas, entre agentes que acompanham as investigações, de que a medida tenha a ver com o caso do blogueiro bolsonarista Allan dos Santos. No mês passado, o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, determinou a prisão preventiva de Santos, que está morando nos Estados Unidos, e mandou o Ministério da Justiça abrir um processo para extraditar o blogueiro de volta para o Brasil.

O processo fica a cargo do DRCI (Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional), do qual Silvia Amélia foi exonerada. O Ministério da Justiça afirmou que a mudança é parte de um processo natural de trocas na pasta, depois de José Vicente Santini assumir, em agosto, o cargo de secretário nacional de Justiça. Por ora, no entanto, ainda não há um substituto anunciado para o lugar de Silvia Amélia no DRCI.

Quanto ao processo de extradição de Allan dos Santos, o ministério informou que não pode divulgar seu andamento devido ao sigilo. A Polícia Federal pediu ao STF a prisão do blogueiro sustentando que, mesmo nos Estados Unidos, ele continuou a delinquir, disseminando discurso de ódio e ataques às instituições democráticas brasileiras, e poderia escapar do processo por estar vivendo no exterior. O pedido foi atendido por Moraes no início de outubro. Criador do canal Terça Livre, suspenso nas redes sociais, Santos é um dos aliados mais próximos da família Bolsonaro.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.