Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Maquiavel Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por José Benedito da Silva
A política e seus bastidores. Com Laísa Dall'Agnol, Victoria Bechara, Bruno Caniato, Valmar Hupsel Filho, Isabella Alonso Panho e Adriana Ferraz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

A nova briga entre Ciro e Cid Gomes que foi parar na Justiça

Irmãos disputam o controle do PDT no Ceará

Por Sérgio Quintella Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO , Laísa Dall'Agnol Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 12 out 2023, 16h23 - Publicado em 12 out 2023, 12h19

Em mais um capítulo da disputa travada pelos irmãos Cid e Ciro Gomes pelo controle do PDT no Ceará, Cid obteve na Justiça uma importante vitória, após o diretório nacional, ligado a Ciro, dissolver o diretório estadual, comandado pelo atual senador.

Para a juíza Maria de Fátima Bezerra Facundo, da 28° Vara Cível de Fortaleza, a dissolução do órgão regional configura uma ilegalidade. “Não me escoro de dúvidas, de que a dissolução de todo o diretório estadual, à manu militari, configura, no mínimo, ofensa aos primados do próprio estatuto do partido político (…). A inativação se deu de maneira arbitrária, sem a observância do contraditório e da ampla defesa, que, por se tratarem de garantias constitucionais, não podem ser olvidadas nos procedimentos administrativos”, afirmou a magistrada. 

Na ação proposta pelo parlamentar e mais dezessete deputados (estaduais e federais), Cid Gomes qualificou a tentativa de alteração do comando da sigla como uma “manobra ilegal para justificar a dissolução do diretório para a aprovação forçada de uma comissão provisória, em claro desvio de finalidade de suas próprias funções institucionais”.

Como a decisão é em caráter liminar, cabem recursos tanto em primeira instância (embargos) quanto em segundo grau.

A nova briga entre os irmãos é mais um capítulo da conflagrada relação de ambos, que já foram aliados. Eles caminhavam juntos até o ano passado, quando o ex-governador Camilo Santana (PT) deixou o estado para concorrer ao Senado. O atrito começou quando da escolha para o postulante à sucessão de Camilo — pelo acordo entre as legendas, era a vez de o PDT indicar o nome.

Continua após a publicidade

Camilo começou a articular pelo nome de Izolda Cela (PDT) — sua vice que assumira o Palácio da Abolição –, mesmo com outros pedetistas ainda no páreo, como o ex-prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio. Questionado na ocasião por Ciro, Camilo respondeu que o posicionamento pró-Izolda havia sido acordado com Cid — foi o estopim para o rompimento entre os irmãos.

Ciro terminou por apoiar Roberto Cláudio como candidato do PDT — ele ficou em terceiro lugar –, enquanto o PT lançou Elmano de Freitas, que liquidou a fatura no primeiro turno. O que já não andava bem foi ainda mais inflamado com a falta de apoio de aliados à campanha presidencial de Ciro — Cid e outros correligionários fizeram campanha tímida ao presidenciável no primeiro turno e, no segundo, debandaram para o palanque de Lula.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.