Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Em Cartaz

Por Raquel Carneiro
Do cinema ao streaming, um blog com estreias, notícias e dicas de filmes que valem o ingresso – e alertas sobre os que não valem nem uma pipoca
Continua após publicidade

Cannes: elenco indígena protesta contra marco temporal no tapete vermelho

Atores e diretores do filme 'A Flor do Buriti', gravado na comunidade nativa de kraolândia, no Tocantins, empunharam faixa contrária ao projeto de lei

Por Amanda Capuano 25 Maio 2023, 10h53

O elenco e direção do filme A Flor do Buriti, em exibição na mostra Um Certo Olhar, usou o tapete vermelho do Festival de Cannes para defender os direitos territoriais indígenas protestando contra o marco temporal. “O futuro das terras indígenas no Brasil está sob ameaça. Não ao marco temporal”, diz a faixa empunhada pela equipe do longa, entre eles os atores Francisco Hyjno, Luzia Cruwakwyj e Henrique Ihjac, originários do povo krahô, do Tocantins.

A manifestação aconteceu na quarta-feira, 24, antes da estreia do longa francês The Pot-au-Feu, de Tran Anh Hung. Além dos atores, os diretores portugueses João Salaviza e Renée Nader Messora também participaram da manifestação, que aconteceu no mesmo dia em que a câmara brasileira aprovou tramitação em regime de urgência para o projeto que trata do marco temporal na demarcação de terras indígenas.

Apresentada em 2007, a proposta de lei determina a data da Constituição de 1988 como um marco para a demarcação de terras indígenas — assim, indígenas que não estivessem em suas terras na data da promulgação do documento, em 5 de outubro de 1988, perderiam o direito de reivindicar a área. “Alguns dos fotógrafos gritaram em apoio e estavam muito felizes”, disse o diretor Salvizza sobre a recepção do protesto.

Filmado na Terra Indígena de Kraôlandia, no estado do Tocantins, por mais de um ano, A Flor de Buriti narra a história da comunidade nativa Krahô e sua tentativa de resistir à exploração, violência e se adaptar à mudança de identidade impostas aos indígenas no mundo moderno. 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.