Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Plantas podem ter menos dias de crescimento ao longo do ano

Trata-se de mais um efeito das atuais mudanças climáticas que assolam o planeta

Por Da Redação
Atualizado em 5 jun 2024, 01h23 - Publicado em 16 jun 2015, 17h40

Estudo realizado por cientistas americanos do Havaí e de Montana, publicado no periódico PLOS, detalhou diferentes cenários que refletem como as mudanças climáticas podem afetar o planeta. No pior deles, com a continuidade das atuais taxas de poluição, até o ano de 2100 os dias de congelamento dos mares dos polos seriam reduzidos em 7%, e os de crescimento de plantas em todo o planeta em quase sete meses.

Quase toda a superfície terrestre sofreria com a redução dos dias de crescimento de plantas, com exceção das áreas que abrangem Rússia, China e Canadá, que presenciariam fenômeno contrário, de estensão do período de crescimento da flora. Essas mudanças afetariam drasticamente o mundo e fariam com que populações fossem forçadas a se readequar, com a criação de novas formas, lugares e produtos para plantio. Além disso, a transformação colocaria o balanço do ecossistema em risco.

Leia também:

O big data em favor da conservação

“Verões intensos no Hemisfério Norte estão ligados ao aquecimento do Ártico”

As consequência seriam várias. A água ficaria escassa e o solo sofreria com mudanças drásticas, chegando ao ponto em que seria extremamente difícil sobreviver à base de agricultura. E, dentro do ecossistema, as plantas, que fornecem oxigênio, perderiam o papel filtrar o carbono atmosférico.

Segundo os autores, medidas de preservação moderadas ou severas melhorariam todas as porcentagens e números de previsão para o futuro.

(Da redação)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.