Clique e assine com 88% de desconto

Suspeito de ser mentor de roubo de 700 quilos de ouro é preso em SP

Além de Francisco Teotônio da Silva Pasqualini, conhecido como "Véio", outras quatro pessoas estão presas. Crime aconteceu em julho de 2019

Por Da Redação - Atualizado em 11 jan 2020, 14h56 - Publicado em 11 jan 2020, 14h55

Um homem suspeito de ser o mentor do roubo de 760 quilos de ouro no Aeroporto Internacional de Cumbica, em São Paulo, foi preso neste sábado (11). Francisco Teotônio da Silva Pasqualini, conhecido como “Véio”, foi encontrado pela polícia em São Caetano do Sul, no ABC Paulista, e encaminhado para a prisão.

Além de Pasqualini, outras quatro pessoas, que já foram presas, teriam participação no crime. A quadrilha teria clonado carros da Polícia Federal e da Aeronáutica para ter acesso ao terminal de cargas do aeroporto. A carga é avaliada em cerca de 100 milhões de reais.

A ação dos criminosos durou menos de cinco minutos e foi filmada por câmeras de segurança. A quadrilha teria roubado também 15 quilos de esmeralda e 18 relógios de luxo.

Publicidade