Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Polícia analisa imagens para identificar suspeitos

Os assaltantes entraram no estabelecimento por volta da meia-noite, armados, bem vestidos e sem máscaras ou capuzes para esconder o rosto

A polícia analisa imagens de câmeras instaladas ao longo da Rua Sergipe para tentar identificar os seis homens que promoveram um arrastão numa das unidades da Pizzaria Braz, no bairro Higienópolis, Zona Oeste de São Paulo. A pizzaria, que fica no nº 406, não possui sistema de segurança com câmeras. Até o começo da tarde, ninguém havia sido preso.

Os assaltantes entraram no estabelecimento por volta da meia-noite, armados, bem vestidos e sem máscaras ou capuzes para esconder o rosto. Agiram rápido, recolhendo objetos pessoais dos clientes, além de dinheiro do caixa. Dois veículos ainda não identificados foram usados na fuga.

De acordo com as vítimas, ninguém foi agredido, mas a quadrilha agiu de forma truculenta. O momento de maior tensão, de acordo com as testemunhas, foi quando os bandidos suspeitaram que havia um policial entre os clientes. A cerca de 100 metros da pizzaria, na esquina da Avenida Angélica com a Praça Buenos Aires, fica uma base da Polícia Militar.

Segundo o 78º DP, onde o caso foi registrado – a investigação, entretanto, foi transferida para o 4º DP (Consolação) – pelo menos 30 pessoas foram roubadas. Oito compareceram à delegacia para registrar boletim de ocorrência, de acordo com a polícia.

(Com Agência Estado)