Clique e assine a partir de 9,90/mês

Novas chuvas atingem Minas Gerais e número de mortos sobe para 55

Foram confirmadas as mortes de mais um homem e duas mulheres até o fim da tarde desta quarta-feira, 29; mais de 53 mil pessoas foram afetadas

Por Da Redação - Atualizado em 29 jan 2020, 18h53 - Publicado em 29 jan 2020, 08h31

Fortes pancadas de chuvas voltaram a castigar Minas Gerais na noite de terça-feira, 28, elevando o número de mortos nos temporais dos últimos dias para 55, informou a Defesa Civil do estado em nota na tarde desta quarta-feira, 29. As vítimas mais recentes são um homem que morreu soterrado na cidade de Nova Lima, na noite de terça, uma mulher que teve o carro engolido por uma cratera no asfalto da MG-133, perto do município de Tabuleiro, na Zona da Mata, nesta madrugada, e outra mulher, que foi arrastada pela enxurrada em Sabará, Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Em Belo Horizonte, o índice pluviométrico atingiu 128,9 milímetros entre 20h e 22h, de acordo Instituo Nacional de Meteorologia (Inmet). Em Nova Lima, ruas se transformaram em rios: em três horas, de 19h30 e 22h30, o acumulado foi de 129,5 mm, segundo o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). Até o momento, a Defesa Civil mineira contabiliza 53.188 afetados, incluindo desalojados, desabrigados, feridos e desaparecidos.

Para esta quarta-feira, 29, ainda há previsão de chuvas em Minas Gerais, ainda que não em todo o estado. “A chuva não é generalizada, mas ainda pode cair moderada a forte, inclusive sobre a região metropolitana de Belo Horizonte”, informa o site de meteorologia Climatempo. De acordo com a Defesa Civil de Belo Horizonte, a expectativa é de que chova até 70 mm na capital mineira.

LEIA TAMBÉM: Prefeitura de BH represa R$ 1 bi para infraestrutura e culpa ‘burocracia’

Continua após a publicidade

A previsão para toda a região da Grande BH, da Zona da Mata e do Triângulo e Alto Paranaíba é de dia abafado, com nuvens e pancadas de chuva que podem ocorrer a qualquer momento. No Vale do rio Doce, Vale do Jequitinhonha e Noroeste do estado, o sol predomina na maior parte do dia e as pancadas de chuva só devem ocorrer a partir da tarde.

A partir de quinta-feira, é esperada uma trégua nas chuvas em Minas Gerais, incluindo na Grande BH.

Publicidade