Clique e assine com até 92% de desconto

Média móvel de casos de Covid-19 cai em 21 estados; mortes recuam em 19

Apenas o Rio Grande do Sul registrou aumento do índice de infectados nas últimas duas semanas, enquanto Roraima foi a única a ter crescimento de óbitos

Por Alexandre Senechal, José Benedito da Silva Atualizado em 10 set 2020, 11h22 - Publicado em 9 set 2020, 20h01

A média móvel de novos casos de pessoas infectadas pela Covid-19 apresentou queda em 21 das 27 unidades da federação na comparação com os dados registrados há duas semanas, segundo o levantamento feito por VEJA nesta quarta-feira, 9 – em cinco estados, as taxas permaneceram estáveis. Apenas o Rio Grande do Sul registrou alta (33,3%).

Os estados onde as ocorrências mais refluíram foram Rio de Janeiro, Alagoas e Sergipe, todos com retrações superiores a 40% – veja quadro abaixo.

O levantamento com base nas médias móveis considera os novos casos e mortes dos últimos sete dias somados e divididos por sete. Deste modo é possível neutralizar as subnotificações ocorridas ao longo do final de semana, quando algumas secretarias de Saúde não conseguem manter o ritmo de notificação de registros da doença.

ASSINE VEJA

Os riscos do auxílio emergencial Na edição da semana: a importância das reformas para a saúde da economia. E mais: os segredos da advogada que conviveu com Queiroz
Clique e Assine

Nos cinco estados em que há estabilidade no surgimento de novos casos houve uma oscilação negativa no número de registros, mas o levantamento de VEJA considera que houve aumento ou queda somente quando o percentual de variação for superior a 15%, segundo o critério adotado pela Organização Mundial de Saúde (OMS) – abaixo disso, o cenário é classificado como estável, mesmo que haja queda nos casos, como ocorre com Paraná, Espírito Santo, Goiás, Rio Grande do Norte e Santa Catarina.

Mortes

Já em relação ao número de óbitos, o recuo das médias móveis em duas semanas também é considerável: ocorreu em 18 estados e no Distrito Federal – em sete estados, a taxa ficou estável. Apenas em Roraima houve aumento na média móvel – veja quadro abaixo.

Brasil e regiões

Entre as regiões, todas tiveram retração na média móvel de mortes – já em relação a casos, apenas a Região Sul teve alta, em razão do aumento no estado do Rio Grande do Sul. No país,

No país, a média móvel de mortes recuou 27,5% nas últimas duas semanas e chegou a 679,9 nesta quarta-feira, 9. Já em relação aos casos, a retração foi de 23,2%, chegando a 28.574,9.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade