Clique e assine a partir de 8,90/mês

Arcebispo de Aparecida é nomeado cardeal por Bento XVI

Raymundo Damasceno Assis poderá participar do grupo que elegerá sucessor do papa

Por Da Redação - 20 out 2010, 09h54

O papa Bento XVI anunciou nesta quarta-feira a nomeação de 24 novos cardeais que formarão o grupo que elegerá seu sucessor no Vaticano. Entre eles está o arcebispo de Aparecida, dom Raymundo Damasceno Assis. Os novos cardeais receberão o título durante o terceiro Consistório do pontificado de Bento XVI, que será realizado entre 20 e 21 de novembro.

Assis é o presidente do Conselho Episcopal Latino-americano (Celam). Por ter menos de 80 anos, ele será um dos cardeais com direito a participar de um eventual Conclave – reunião de clausura em que é escolhido o nome do novo papa.

Nascido em Minas Gerais no ano de 1937, Assis foi ordenado sacerdote pela Igreja Católica em 1968. Em 1986, foi nomeado bispo auxiliar de Brasília. Desde 2004, ele ocupa o arcebispado de um dos santuários católicos mais importantes do país.

Com as novas designações, o número de cardeais com direito a voto em um eventual conclave pela morte do Papa chega a 121, um além do limite fixado por Paulo VI e poucas vezes ultrapassado por João Paulo II.

(Com agências EFE e France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade