Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

‘Aos Teus Olhos’ expõe o poder de julgamento das redes sociais

Filme estrelado por Daniel de Oliveira explora com delicadeza a queda de um professor linchado na internet

Por Raquel Carneiro Atualizado em 13 abr 2018, 19h07 - Publicado em 13 abr 2018, 19h06

(Brasil, 2018. Já em cartaz no país) É fácil comparar o longa nacional Aos Teus Olhos com o dinamarquês A Caça (2012), indicado ao Oscar de melhor filme estrangeiro. Ambos trazem protagonistas homens, que dão aula para crianças e acabam envoltos em fortes rumores de pedofilia. Outra semelhança é que nem Rubens (interpretado com maestria por Daniel de Oliveira) nem Lucas (personagem de Mads Mikkelsen) sabem como se defender da rapidez e ferocidade com que os boatos se espalham. A comparação entre os longas se encerra aqui, quando a produção brasileira cresce e se destrincha em diversas e complicadas outras camadas. Rubens é um professor de natação no Brasil, logo, está em uma cultura que permite um maior contato físico. Sua exposição corporal também é alta, e ela colabora para a narrativa, começando natural dentro de um âmbito profissional para, ao longo do roteiro, ganhar peso no processo de julgamento. Extrovertido e carinhoso com as crianças, ele é acusado de beijar um aluno de maneira inapropriada. Em menos de 24 horas sua vida muda bruscamente sob o poder de julgamento e sentença das redes sociais. Destaque para a bela direção de Carolina Jabor, que em 2014 fez sua estreia no cinema de ficção com o também interessante Boa Sorte.

Publicidade